04/05/2021 às 11h50min - Atualizada em 04/05/2021 às 11h50min

Adolescente invade escola e mata três crianças e uma professora com um facão em Saudades

Da Redação
Simone Fernandes/Arquivo Pessoal
Uma tragédia aconteceu na manhã desta terça-feira na pequena cidade de Saudades, de 9.800 habitantes, a 600 km de Florianópolis. Um jovem de 18 anos matou pelo menos três crianças e dois adultos (pelo menos uma é professora) dentro de uma escola de educação infantil, chamada Aquarela, com uma faca. Uma das professores mortas estava tentando defender as crianças durante o ataque.​

As vítimas fatais foram Keli Adriane Aniecevski, de 30 anos, era professora e dava aulas na unidade havia cerca de 10 anos, Mirla Renner, de 20 anos, era agente educacional na escola, Sarah Luiza Mahle Sehn, de 1 ano e 7 meses, Murilo Massing, de 1 ano e 9 meses e Anna Bela Fernandes de Barros, de 1 ano e 8 meses.

Segundo informações do delegado regional de Chapecó, Ricardo Newton Casagrande, o adolescente entrou na escola, que fica no Centro do município, e utilizou um facão contra as vítimas. 

A polícia começou a receber ligações por volta das 10h35 e a Polícia Militar segue em frente à escola.

"A Cre/Copom recebeu diversas ligações informando que um masculino entrou armado de arma branca tipo (facão), na Creche Aquarela Berçário - município de Saudades/SC, diversas ligações pedindo socorro da polícia, que o indivíduo estaria golpeando alunos e professores", informou a PM.

Segundo informações do Corpo de Bombeiros, o autor desferiu golpes também contra o próprio pescoço, além de abdome e tórax e foi encaminhado em estado gravíssimo ao Hospital em Pinhalzinho.

Segundo o subcomandante do batalhão da PM em Chapecó, major Rafael Antônio da Silva, o criminoso foi contido por populares até a chegada dos primeiros policiais e bombeiros.

“Infelizmente, ao chegarem, os bombeiros se depararam com pessoas já mortas, não podendo nem mais conduzi-las ao hospital”, disse Silva à Agência Brasil. O agressor, por sua vez, cortou o próprio pescoço com o facão que usou para atacar a suas vítimas e foi socorrido em estado grave.

De acordo com o subcomandante, ainda não se sabe o motivo do crime. As primeiras informações dão conta de que o rapaz não tem nenhum vínculo com a creche, onde estudam crianças de 6 meses a 2 anos de idade.

“Ele mora na cidade e entrou no estabelecimento portando o facão que usou contra as vítimas. Uma professora e duas crianças morreram no próprio local. Outra professora, gravemente ferida, morreu no hospital e ao menos uma criança ferida está internada”, explicou Silva.


Matéria atualizada às 16h02 para acréscimo de informações
Link
Notícias Relacionadas
Comentários »
Contato pelo whatsapp...
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp