14/11/2020 às 00h00min - Atualizada em 14/11/2020 às 00h00min

Quatro cidades da região têm 33 candidatos a prefeito; apenas Florianópolis poderá ter reeleição e segundo turno

Marcos Eduardo Carvalho
Ricardo Wolffenbuttel/ SECOM
As eleições municipais acontecem neste domingo e vão definir o futuro das cidades pelos próximos quatro anos. Na Grande Florianópolis, apenas a capital do estado poderá reeleger o prefeito. Os mandatários de Biguaçu, Palhoça e São José estão no segundo mandato e não podem mais concorrer. Porém, tentam eleger os seus sucessores. No total, as quatro cidades juntas têm 33 candidatos a prefeito.

Em Florianópolis, Gean Loureiro tenta um novo mandato para mais quatro anos. Na reta final da campanha, enfrentou um escândalo de acusação de estupro por parte de uma ex-funcionária da prefeitura e candidata a vereadora este ano. Porém, ele alega inocência e reconhece que teve um relacionamento extraconjugal com ela em 2017.

A cidade terá dez candidatos ao cargo majoritário. Além de Gean, que está na coligação (DEM / PODE / PSD / REPUBLICANOS / PSC), os outros nove concorrentes são Alexander Brasil (PRTB / PTB), Angela Amin (PSDB / MDB / PSL / PP), Dr. Ricardo (PV / SOLIDARIEDADE / PROS), Gabriela Santetti (PSTU), Hélio Barros (AVANTE / PTB / PATRIOTA), Jair Fernandes (PCO), Orlando (Novo), Pedrão (PL / CIDADANIA) e (Professor Elson - PSB / UP / PT / PC do B / PSOL / PDT).

Atualmente, a cidade tem 357.049 eleitores aptos a comparecerem nas urnas no domingo.

A cidade é a única da Grande Florianópolis que poderá ter segundo turno, já que tem mais de 200 mil habitantes. Em todo o estado, apenas Blumenau e Joinville (maior colégio eleitoral catarinense) poderão ter o segundo turno, dia 29 de novembro.

Em São José, segunda maior cidade da região, serão nove candidatos a prefeito em 2020. Como a atual prefeita, Adeliana Dal Pont (PSD), está em seu segundo mandato, Orvino Coelho de Ávila (PSD) será o candidato oficial do governo.

Na disputa, ainda estão Antônio Lemos (Republicanos), Ary Martins (PT), Clonny Capistrano (PL), Fernando Anselmo (PSL), Luizinho da Regional (PSDB), Moacir da Silva (PDT), Roberto Salum (Patriota) e Thiago Paulo (Novo). A cidade tem 170.817 eleitores cadastrados atualmente.

Em Palhoça, serão sete candidatos a prefeito, onde também não haverá reeleição. O atual prefeito, Camilo Martins (PSD), apoia Eduardo Freccia, que é o candidato do partido para tentar manter o PSD no poder pelo terceiro mandato consecutivo.

Os outros seis candidatos registrados são Coronel Ivon (PSL), Jailson Rodrigues (PT), Jean Negão (Patriota), Luciano Pereira (Avante), Rangel Medeiros (Psol) e Repórter Sérgio Guimarães (PL). A cidade conta atualmente com 126.585 eleitores cadastrados.

Em Biguaçu, serão também sete candidatos ao cargo majoritário. O atual prefeito da cidade, Ramon Wollinger (PSD), encerra o seu segundo mandato em 2020. Agora, vai apoiar a candidatura de Vilson (PP), indicando Sargento Ângelo como vice, pelo PSD.

Os demais candidatos a prefeito na cidade da Grande Florianópolis são André (PSL), Coronel Pres (Patriota), João José (PT), Marconi (DEM) e Salmir (MDB). As eleições serão disputadas em 15 de novembro. A cidade tem hoje 49.498 eleitores aptos.
 
Link
Notícias Relacionadas
Comentários »
Contato pelo whatsapp...
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp