30/09/2021 às 16h30min - Atualizada em 01/10/2021 às 00h01min

Kryptus lança programa para conformidade com novo protocolo de segurança do SPB 3.0

Empresa cria programa para atender empresas que necessitam estar em compliance com normas de segurança da nova versão do Sistema de Pagamento Brasileiro

SALA DA NOTÍCIA Pedro Carvalho

A partir de 2 de outubro passa a vigorar o novo protocolo de segurança do Sistema de Pagamento Brasileiro (SPB), conhecido também como SPB versão 3.0, que estabelece novos algoritmos criptográficos que passarão a ser obrigatórios, conforme determinação do Banco Central (BC). O objetivo das mudanças é aumentar ainda mais o nível de segurança das transações financeiras.

Ciente dos desafios que as instituições financeiras terão pela frente para se adequarem ao novo protocolo, a Kryptus, empresa brasileira especializada em segurança cibernética e criptografia para aplicações militares, governamentais e empresariais, anuncia o lançamento de um programa para atender às empresas que necessitam operar em conformidade com normas do BC. 

“Trata-se de um programa que inclui consultoria para sistematização de procedimentos de proteção e a segurança dos dados de clientes e usuários, bem como a oferta de um módulo criptográfico de hardware (HSM), o kNET, primeiro HSM nacional com certificação FIPS 140-2 Level 3, que garante a segurança de chaves criptográficas”, explica um dos Sales Manager da Kryptus, Willian Oliveira.

Segundo ele, o HSM da Kryptus atende também aos requisitos de segurança estabelecidos pelas normativas definidas pelo Instituto Nacional de Padrões e Tecnologia (NIST, em inglês), dos Estados Unidos, considerada a certificação que define os padrões internacionais para módulos criptográficos. O dispositivo possui ainda a certificação da Infraestrutura de Chaves Públicas Brasileira (ICP-Brasil), estando habilitado ao processamento de transações de acordo com o Padrão de Segurança de Dados da Indústria de Cartões de Pagamento (PCI, em inglês) e do Banco Central.

O SPB interliga os sistemas e os procedimentos relacionados com o processamento e a liquidação de operações de transferência de fundos, de operações com moeda estrangeira ou com ativos financeiros e valores mobiliários, chamados coletivamente de entidades operadoras de Infraestruturas do Mercado Financeiro (IMF). Além das IMF, os arranjos e as instituições de pagamento também integram o SPB.


 
Link
Notícias Relacionadas
Comentários »
Contato pelo whatsapp...
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp