14/09/2021 às 22h28min - Atualizada em 15/09/2021 às 00h00min

Novo programa 87.co, do Grupo Stefanini, busca incentivar startups a decolarem no mundo dos negócios

Com a experiência da multinacional brasileira, startups em fase de tração ou escala terão oportunidades de potencializar suas soluções

SALA DA NOTÍCIA Carolina Amaral
Cocriar novos modelos de negócio com alto valor e impacto em parceria com startups do ecossistema brasileiro a partir de um processo de inovação aberta não é um desafio para qualquer um. É só para quem traz no DNA esse inovar pulsante, que não para de pensar e impulsionar novos negócios, como é o caso do Grupo Stefanini, que agora aporta nessa nova empreitada. A multinacional brasileira que tem sólida expertise com suas mais de 65 startups e 25 ventures integrantes do ecossistema que compõe o amplo portfólio de soluções digitais.


Com isso, o Grupo Stefanini acaba de lançar o 87.co, programa de startups que tem como propósito ir além da aceleração tradicional e partir para uma busca real de geração de novos modelos de negócio. A primeira edição acontecerá de 15 de setembro a 15 de dezembro.


Considerado uma evolução do reconhecido Open Startups, o 87.co espera acelerar até 5 startups focadas no segmento de Saúde nesta primeira edição, conectando suas soluções com as do Grupo Stefanini para escalar projetos futuros e promover maior engajamento entre os empreendedores da área de Health, que tem crescido exponencialmente.


Para esse desafio, o Grupo Stefanini escolheu como parceiro estratégico para o hunting de startups o Innovation Latam, que é um hub de inovação digital que fomenta conexões entre startups, empresas, governo, academia e investidores. Com impacto em toda América Latina, desde 2016 desenvolve ações voltadas para o fomento do empreendedorismo regional e já conta com mais de 20 mil startups em seu catálogo.


O atual formato do programa 87.co e todos os detalhes para a participação de startups serão apresentados no próximo dia 15 de setembro, das 10h às 11h, em um webinar ancorado por Mary Ballesta, diretora global de Inovação do Grupo Stefanini, juntamente com Felipe De Souza Ricci, head de Saúde, com moderação de João Pedro Brasileiro, fundador e CEO da Innovation Latam, parceiro estratégico nesse projeto.


As startups do 87.co irão participar de um desafio onde terão a oportunidade de desenhar uma solução e um novo modelo de negócios com uma visão integrada a proposta da Stefanini, considerando todo processo de acompanhamento e mentoring, do desenho inicial até uma fase de vitrine comercial. "Será uma jornada end to end para explorar as visões e soluções da startup participante. Para chegar a esse conceito, a equipe trabalhou arduamente no levantamento de critérios que contemplam, de forma integrada, a entrega de valor do programa, facilitando um espaço de cocriação, coparticipação e conexão com nosso ecossistema de inovação", destaca Mary Ballesta.


De acordo com a executiva, o programa traz visibilidade de ideias e de novas iniciativas para o grupo, além de criar aceleradores para todo ecossistema de inovação do Grupo. Entre seus principais atributos, será o responsável pelo desenho de novos modelos de negócio, além de facilitar a inovação aberta e gerar oportunidades entre a Stefanini, startups e clientes.


O programa 87.co está relacionado ao guarda-chuva de iniciativas chamada de Sala 87, denominação que surgiu a partir da história de empreendedorismo da fundação da Stefanini na casa do Marco Stefanini, CEO global do Grupo Stefanini, no ano de 1987. Outras iniciativas que fazem parte da Sala 87 são o Open Ideias (espaço para troca de experiências e reflexões), o WIN (Women Innovation Network, que conecta lideranças femininas para debaterem sobre tópicos dentro do universo da inovação), entre outros.


Os interessados em participar do webinar podem se inscrever aqui .


DNA de Inovação


Recentemente, a Stefanini foi reconhecida no Ranking Top 100 Corps 2021, divulgado pela plataforma 100 Open Startups, que avaliou as premiadas a partir de dados gerados pelo mercado, por meio de contratos registrados entre as corporações e as startups. Em sua primeira participação, passou a ocupar a 6ª posição no ranking geral e o 1º lugar na categoria Serviços Profissionais, reforçando seu DNA de empreendedorismo e inovação, a partir da mudança de mindset que valoriza o trabalho em inovação aberta, escalando capacidades e experiências para todos envolvidos.
Link
Notícias Relacionadas
Comentários »
Contato pelo whatsapp...
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp