02/11/2020 às 19h21min - Atualizada em 02/11/2020 às 19h21min

Figueirense perde de virada e fecha primeiro turno na zona de rebaixamento

Marcos Eduardo Carvalho
Andrey de Oliveira/FFC
O Figueirense perdeu para a Ponte Preta por 2 a 1, de virada, nesta segunda-feira, no estádio Moisés Lucarelli, em Campinas, pela última rodada do primeiro turno do Campeonato Brasileiro da Série B.

Com o resultado, o time comandado pelo técnico Elano fecha o turno dentro da zona de rebaixamento, com 19 pontos, em 18º lugar. Além disso, vê interrompida uma sequência de três partidas sem derrota. E fica um ponto atrás do Cruzeiro, primeiro time agora fora da zona de degola.

A Macaca, por sua vez, foi aos 30 pontos e agora está em quinto lugar, a um ponto do Juventude, primeiro time dentro do G-4.

Agora, o Figueira volta a jogar no sábado, quando recebe o Operário-PR, a partir das 16h30, no estádio Orlando Scarpelli, na abertura do returno.

No jogo desta segunda, o time catarinense entrou em campo mais cauteloso, marcando forte e evitando uma pressão maior da Ponte nos primeiros minutos. A posse de bola dos donos da casa era de 71%, mas o Figueira se defendia bem.

Aos 29min, os ponte-pretanos reclamaram muito de um pênalti não marcado sobre Apodi. Mas, aos 34min, o Figueira, em sua primeira chegada perigosa, abriu o placar. Após bate-rebate dentro da grande área, a bola sobrou para Everton Santos, que chutou, a bola desviou e entrou.

A pesar da vantagem, o técnico Elano teve que fazer duas alterações ainda no primeiro tempo, por lesões de Marquinhos e Victor Oliveira.

E, antes do intervalo, Pereira quase marcou o segundo do Figueira. Em chute forte, de fora da área, o goleiro Ygor fez boa defesa.

No segundo tempo, a Ponte Preta voltou pressionando, encurralando o Figueirense no campo de defesa, e quase empatou cm Camilo, aos 9min.

O time catarinense tentava se aproveitar nos contra-ataques. E quase ampliou aos 13min, com Diego Gonçalves, em chute forte, que Ygor fez boa defesa.

Mas a Ponte era mais forte e chegou ao empate aos 25min. Guilherme Pato aproveitou falha da zaga do Figueira, recebeu livre e chutou rasteiro, no canto direito: 1 a 1.

O gol desestruturou o Figueira. Cinco minutos depois, em chute de Bruno Rodrigues, Sidão bateu roupa e Apodi empurrou para o gol, virando a partida para a Ponte.

Depois, o Figueirense não teve mais força para reagir.
 
Link
Notícias Relacionadas
Comentários »
Contato pelo whatsapp...
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp