02/08/2021 às 14h11min - Atualizada em 02/08/2021 às 14h40min

Franqueadora converte 13 funcionários em franqueados e inova na expansão de sua rede, criando oportunidades internas para aqueles que se dedicam à marca e têm potencial para gerir as unidades franqueadas

A MicroPro aposta em financiamento próprio para os funcionários com excelente desempenho que têm potencial para se tornarem franqueados. Os resultados surpreendem e mostram que o desenvolvimento profissional que a marca prega aplica-se também na prática de sua gestão

SALA DA NOTÍCIA Uapê Comunicação
Uapê Comunicação
Das 35 escolas da rede MicroPro Desenvolvimento Profissional e Comportamental, 14 pertencem a franqueados que são ex-funcionários da rede. É isso mesmo: a MicroPro é a maior rede de franqueadora de desenvolvimento profissional e comportamental do Brasil e sua marca está crescendo, em número de franqueados, a partir da venda das unidades próprias a funcionários.

Os franqueadores, Fábio Affonso e Anderson Siqueira, têm uma rede de 35 escolas de desenvolvimento profissional e comportamental. Delas, 4 são próprias e 31 são franqueadas. “Agora são franqueadas, porque eram quase todas próprias até bem pouco tempo atrás. Começamos a franquear para nossos próprios funcionários e aos poucos. Alguns deles tornaram-se nossos sócios-franqueados nas unidades próprias, comprando um percentual da unidade. Outros conseguiram, com recursos próprios e investidores, adquirir a unidade toda, tornando-se franqueados sem a necessidade de associarem a nós. Existe até um caso curioso, de uma funcionária que tornou-se sócia de um franqueado nosso e, agora, também é franqueada! Assim, fomos vendendo as unidades franqueadas para quem já conhece o negócio, sabe operá-lo, tem amor à marca e está tão integrado a ela que possui o perfil ideal para compor o quadro de franqueados que desejamos”, relembra Affonso.

Alguns franqueados da rede já possuem duas ou três unidades franqueadas, como os das cidades de Limeira, Itapetininga, Campinas,), Matão, Indaituba, Itu, Votorantim, Sorocaba, Salto, Sumaré, Bauru, Jacareí, Hortolândia.

A vantagem de expandir com equipe interna

Quando uma franqueadora tem condições de financiar a expansão para seus próprios funcionários, ela ganha, em muitas frentes. Primeiro, porque o colaborador já conhece bem a empresa, sua estrutura, a forma de trabalho e o conceito do negócio. Depois, porque a seleção de franqueados fica muito mais simples. “Se pensarmos na trajetória do nosso franqueado Fernando Felizardo, de Limeira, conseguimos ilustrar bem a importância de valorizar os bons colaboradores. Em 2009, ele começou como Operador de Telemarketing, em nossa empresa. Rapidamente, tornou-se Orientador Comercial. Por seu bom desempenho, foi convidado a assumir uma Regional, em nossa Holding, passando depois a Gerente Comercial Nacional. Há dois anos, foi convidado a ser Diretor da escola de Limeira e, agora, é nosso franqueado. Há 12 anos, mantém uma história de sucesso na MicroPro e conhece toda a estrutura e operação. Certamente, será um excelente franqueado”, explica Affonso.

Assim como ele, a MicroPro tem outras histórias para contar (veja resumos no quadro, abaixo) e se orgulha delas. “Descobrir e reter talentos não é uma tarefa fácil, mas somos uma empresa de desenvolvimento de pessoas, afinal. E se não conseguíssemos colocar em prática o que ensinamos, seríamos um engodo”, pontua o franqueador.

Expansão também está aberta a investidores de fora da rede

A MicroPro Desenvolvimento Profissional e Comportamental está iniciando seu processo de expansão também para investidores de fora da rede. “Em 2020, revimos processos de formatação da marca e deixamos a empresa pronta para a expansão. Desejamos expandir de forma concêntrica, temos forte atuação no interior de São Paulo e sabemos que o suporte total ao franqueado poderá ser oferecido conforme a proximidade com a franqueadora. Assim, a capital paulista, o interior e a região metropolitana de São Paulo são prioritárias para a marca”, explica o franqueador.

Numa unidade MicroPro, investem-se entre R$ 89 mil e R$ R$ 120 mil, o que torna a marca uma microfranquia. O franqueado MicroPro tem à disposição uma equipe profissional de peso. São consultores de campo, equipe técnica para suporte, desenvolvedores de serviços e produtos pedagógicos, profissionais de Marketing, departamento Jurídico e Financeiro e outros membros da franqueadora disponíveis para o suporte completo ao franqueado, de modo que ele opere com profissionalismo e segurança. “O mesmo cuidado que temos com nossas operações próprias transferimos às unidades franqueadas, porque desejamos ter uma rede comprometida, estável e com alto rendimento”, planeja o franqueador.
 
Conheça a história dos funcionários MicroPro que viraram franqueados

Como sócios em lojas próprias, da franqueadora...

Fernando Felizardo – Limeira – Em 2009, foi contratado como Operador de Telemarketing. Rapidamente, tornou-se Orientador Comercial. Por seu bom desempenho, foi convidado a assumir uma Regional, na Holding MaxPro, passando depois a Gerente Comercial Nacional. Há dois anos, foi convidado a ser Diretor da escola de Limeira e, agora, é franqueado da mesma escola.

Nadgila Vieira – Campinas – Nadgila está há sete anos na MicroPro. Ela iniciou suas atividades na unidade de Limeira e, em pouco tempo, foi convidada a assumir a direção da MicroPro Campinas. Lá, recebeu o Oscar MicroPro de melhor Diretora e, agora, é franqueada dessa unidade.

Daniela Machado – Indaiatuba – Veterana na MicroPro, Dani iniciou sua jornada na rede em 2003, na direção da escola de Indaiatuba. Começou com a missão de recuperar a escola e, em pouco tempo, conseguiu alavancá-la, a tornando uma das cinco maiores escolas da rede. Atualmente, tornou-se franqueada da mesma unidade.

Jeane Casanti – Americana – Em 2006, Jeane foi contratada como Secretária na MicroPro de Americana. Devido seu bom desempenho, foi convidada a assumir a direção da escola de Sumaré, que havia sido aberta recentemente. Hoje, assume a mesma escola, como franqueada, tornando-se uma das maiores franqueadas da rede.

Ângela Monteiro – Hortolândia – Em 2007, Ângela candidatou-se a uma vaga de emprego para Supervisora Comercial, na MicroPro Sumaré. Na entrevista, Fábio Affonso a convidou para ser Diretora de Hortolândia. E, assim, começou sua história com a MicroPro, até que, hoje, ela se tornasse franqueada da mesma unidade que dirigiu, por 12 anos.

... e com recursos próprios:

Cláudia Vieira – Penha (SP, capital)– Na rede desde 2016, Cláudia iniciou suas atividades como Diretora da unidade MicroPro da Penha, bairro de São Paulo. Sua competência a levou a acumular o cargo de Diretora de outra unidade, localizada em Guarulhos, região metropolitana de São Paulo. Agora, a jovem é franqueada da unidade da Penha e abrirá sua segunda unidade, em Itaquera, também na capital paulista, ainda no primeiro semestre.

Ana Carolina Oliveira – Bauru – Iniciou suas atividades na MicroPro Campinas, em 2014. Em seguida, foi Diretora da escola de Valinhos, recebendo o Oscar MicroPro de Revelação do Ano. Agora, é franqueada da unidade de Bauru. 

Veronica Nunes – Itapetininga – Em 2012, Verônica começou a trabalhar na MicroPro de Santa Bárbara d'Oeste, como supervisora comercial. Sua competência a levou a ter destaque e, neste ano, tornou-se franqueada da unidade de Itapetininga, recebendo o troféu MaxPro de escola revelação do ano.

Thaís Elespão – Jacareí – Thaís está na MicroPro há apenas seis anos, mas há tem uma boa história de empreendedorismo para contar. Ela começou como Orientadora, na escola de Indaiatuba, e em seguida foi Supervisora Comercial na mesma escola, sempre se destacando pelo ótimo trabalho. Depois de um tempo, conseguiu abrir sua própria franquia da MicroPro na cidade de Jacareí.

Janayna Lima – Matão – Janayna está na rede MicroPro desde 2012, onde começou como Orientadora Profissional na unidade de São Carlos. Empreendedora, decidiu ter sua franquia e investiu numa unidade franqueada na cidade de Matão, tendo uma das maiores escolas de sua cidade.

Neuma Barros – Salto – Neuma Iniciou suas atividades em 2008 na MicroPro Americana, como Supervisora Comercial, contratada pelo próprio franqueador, Fábio Affonso. Em seguida, foi para a MicroPro Sumaré, onde aprimorou seus conhecimentos. Atualmente, tem uma das maiores escolas MicroPro, na cidade de Salto.

Murilo Silva – Sorocaba/Itu/Votorantim – O empreendedor está na rede MicroPro há 13 anos. Começou sua jornada de sucesso em 2007, como primeiro Gerente Comercial da franqueadora. Após muita dedicação e sempre acreditando no crescimento da empresa, abriu a primeira franquia MicroPro na cidade de Sorocaba. Conseguiu investir na marca, abrindo em seguida mais duas franquias, em Itu e Votorantim. Hoje, é um grande franqueado MicroPro, com uma história de muito sucesso e crescimento ao longo dos anos.

Fabiana Andrade – Sorocaba – Na rede MicroPro desde 2016, Fabiana iniciou suas atividades como Supervisora Comercial, na unidade de Hortolândia. Competentíssima, recebeu o Oscar MicroPro de Destaque do Ano e foi trabalhar na unidade de Sorocaba. Agora, tornou-se sócia do franqueado da MicroPro Sorocaba, Murilo.
 


Sobre a MicroPro Desenvolvimento Profissional e Comportamental

Nascida em 2005, a partir da experiência dos empreendedores Fábio Affonso e Anderson Siqueira, a MicroPro Desenvolvimento Profissional e Comportamental oferece mais de 20 cursos de qualificação profissional: Profissional Administrativo Tecnológico; Games e Design; Analista de Suporte Técnico; Gestão Administrativa; Editor de Vídeos; Webdesigner; Marketing Digital; Programador Web; Youtuber; Gestão Comercial e Marketing; Secretariado; Gerente de Hotelaria e Turismo; Assistente de Refinaria e Mineração; Designer de Games; Gestão de Recursos Humanos; Kids (Mini Gênio); Informática Profissional Full; Atendente de Farmácia; Informática Profissional; Inglês Profissional; Terceira Idade e Vip, entre outros.

Tem como grande destaque o programa CoachingMax, o primeiro programa de coaching para jovens ministrado em uma rede de franquias de qualificação profissional, que é oferecido a todos os alunos da rede, em conjunto com qualquer curso. Esse diferencial faz parte de um projeto pessoal de Fábio Affonso, franqueador e fundador da marca, de mudar vidas pela Educação.
 
Perfil 


Marca: MicroPro Desenvolvimento Profissional e Comportamental
Tipo de negócio Escolas de Qualificação Profissional
Ano da fundação: 2005
Início da franquia no Brasil:  2010
Total de unidades no Brasil: 4 próprias e 31 franqueadas
Investimento inicial: de R$ 89 mil a R$ 120 mil (incluindo a taxa de franquia, capital de giro e estoque inicial)
Taxa de franquia: De R$ 10 mil a R$ 30 mil (parcelada em três vezes para os contratos assinados nos próximos seis meses)
Capital de giro:  R$ 30 mil
Royalties: 5% do faturamento bruto
Taxa de publicidade: 5% sobre as compras do material didático
Área mínima: De 100 m2 a 300 m2
Nº de funcionários: De 7 a 15
Faturamento bruto: média de R$ 75 mil
Lucro líquido:  25%
Prazo de retorno: de 20 a 24 meses
Prazo de contrato: 5 anos
Apoio ao franqueado:  Orientação na escolha do ponto comercial; treinamento operacional ao franqueado e equipe; manuais de gestão; consultoria técnica administrativa, financeira e operacional, software de gestão, fornecedores homologados.
E-mail: franquia@maxpro.com.br
Site: www.micropro.com.br
 

 
Link
Notícias Relacionadas
Comentários »
Contato pelo whatsapp...
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp