12/04/2024 às 11h10min - Atualizada em 13/04/2024 às 08h00min

42% das vagas de trabalho criadas no primeiro trimestre são do Mercado Financeiro

Filipi Vechim, especialista finanças ressalta: há uma escassez de talentos

Samantha di Khali Comunica
Divulgação

Segundo levantamento conduzido pela ManpowerGroup, líder global em recrutamento e seleção de pessoal, com presença em mais de 80 países, quase metade das empresas brasileiras planejam expandir sua força de trabalho no primeiro trimestre de 2024. Filipi Vechim, executivo com duas décadas de experiência no setor financeiro, analisa o estudo que revelou um aumento significativo na intenção de contratação em comparação com o ano anterior.

"Estamos observando uma tendência positiva no mercado de trabalho brasileiro, com uma proporção considerável de empresas planejando aumentar suas contratações para o próximo trimestre. Isso reflete um otimismo crescente em relação à economia e às oportunidades de negócios", destaca Vechim.

De acordo com os dados levantados, a intenção de abrir novos postos de trabalho cresceu de 42% em 2023 para 48% no mesmo período deste ano, enquanto a proporção de empregadores que preveem reduzir suas contratações aumentou marginalmente, de 15% para 16%.

Os estados do Paraná e São Paulo lideram as intenções de contratação, com 33% e 31%, respectivamente, seguidos de perto pelo Rio de Janeiro (30%) e Minas Gerais (28%). Os setores que devem impulsionar esse crescimento incluem Saúde e Ciências da Vida (46%), Tecnologia da Informação (45%) e Finanças e Imobiliário (42%).

Além disso, a pesquisa aponta que a expectativa líquida de emprego para o Brasil no período é de 32%, um aumento de cinco pontos percentuais em relação ao mesmo período do ano anterior, refletindo um cenário de maior otimismo em relação ao mercado de trabalho.

"O Brasil está ganhando destaque no cenário global de contratações, o que é um sinal positivo para a recuperação econômica do país. Esperamos ver um impacto significativo no mercado de trabalho nos próximos trimestres", acrescenta Vechim.

Filipi Vechim comenta sobre a posição do Brasil no contexto global, destacando que o país ocupa agora a 10ª posição no ranking de intenções de contratação, com um crescimento de quatro posições em comparação com o primeiro trimestre de 2023. Os líderes globais em intenção de contratação incluem Índia (37%), Países Baixos (37%), Costa Rica (35%) e Estados Unidos (35%), enquanto a Argentina apresenta o cenário mais fraco, com apenas 2%.

No que diz respeito aos setores com maior expectativa de contratação para o primeiro trimestre de 2024, destacam-se:

Saúde e Ciências da Vida (46%)

Tecnologia da Informação (45%)

Finanças e Imobiliário (42%)

Energia e Serviços de Utilidade Pública (36%)

Transporte, Logística e Automotivo (29%)

Indústria e Materiais (28%)

Bens de Consumo e Serviços (25%)

Entretanto, o estudo também revela um desafio significativo enfrentado pelas empresas brasileiras e globais: a escassez de talentos. No Brasil, 80% das empresas estão enfrentando dificuldades para contratar, enquanto a média global é de 75%. Para lidar com essa questão, os empregadores estão apostando em estratégias de flexibilidade de horários e local de trabalho como forma de atrair e reter talentos.

"É essencial que as empresas adotem abordagens inovadoras para superar os desafios de recrutamento e retenção de talentos. A flexibilidade é uma das chaves para atrair profissionais qualificados em um mercado competitivo", ressalta Vechim.

As empresas estão priorizando o bem-estar dos colaboradores e a busca por profissionais com habilidades específicas enquanto planejam suas estratégias para 2024, refletindo um ambiente dinâmico e desafiador no mercado de trabalho.

Sobre Filipi Vechim

Filipi Vechim é um executivo com duas décadas de experiência no setor financeiro, atualmente como Superintendente de Negócios no Travelex Bank, maior banco de câmbio do mundo. Sua expertise abrange áreas como operações, qualidade/atendimento e negócios. Ao longo de sua trajetória, o executivo ocupou posições de destaque em grandes corporações, como banco Itaú, onde liderou equipes nas áreas de operações, qualidade, atendimento e desenvolvimento de negócios digitais, com entregas consistentes que o levaram à cadeira de sócio do banco Itau, eleito pelo comitê do banco de varejo. Graduado em Administração de Empresas pelo IPEP, Vechim complementou sua formação com uma pós-graduação em Banking e Mercado Financeiro pela universidade Mackenzie e um MBA pela FGV em Marketing Digital. É certificado em Inovação no Relacionamento e Fidelização Sustentável de Clientes pela FGV e CX (customer experience) pelo INSPER. No mercado financeiro, possui certificações como CEA (Anbima) e ABT2 (Abracam) para Diretores e Gestores. Filipi Vechim acumula ao longo da carreira, um extenso currículo de especializações internacionais, tais como Instituto Kaplan Washington DC - General and Business English (Inglês Geral e para Negócios), University of California Irvine - Business and Management For International Professionals (Negócios e Gestão para Profissionais Internacionais) e Ohio University – Coaching and Leadership Certification (Certificação de Coaching e Liderança), entre outros. 

LinkedIn: https://www.linkedin.com/in/filipi-vechim-amador-cea-abt2-2b182a38/

 

 


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Manezinho News Publicidade 1200x90
Contato pelo whatsapp...
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp