15/10/2020 às 15h44min - Atualizada em 15/10/2020 às 15h44min

TJ-SC determina e Alesc suspende sessão extra que votaria segundo pedido de impeachment contra Carlos Moisés

Da Redação
Bruno Collaço / AGÊNCIA AL
A sessão extraordinária marcada para esta 15h na Alesc (Assembleia Legislativa de Santa Catarina), que votaria o segundo pedido de impeachment contra o governador Carlos Moisés (PSL) foi suspensa a pedido do TJ-SC (Tribunal de Justiça de Santa Catarina). A decisão aconteceu após uma ação da defesa do governador do estado, que entrou com mando de segurança. No mandado, alega que os prazos mínimos para a votação ocorrer, de 48 horas, não foram cumpridos.
 
A sessão havia sido marcada na manhã desta quinta e seria presidida por Julio Garcia (PSD).  “Em obediência à decisão da Justiça, a presidência suspende a sessão e a mantém esperando uma rápida decisão de sua excelência, o desembargador autor da decisão que suspende a sessão”, afirmou o presidente da Alesc.

Agora, a nova sessão deverá ser realizada no dia 20, próxima terça-feira.
 
O Projeto de Decreto Legislativo 11/2020 que trata do afastamento do governador se refere às ilegalidades envolvendo a compra de 200 respiradores a R$ 33 milhões pagos antecipadamente e sem garantia de entrega e pela tentativa de contratação de um hospital de campanha em Itajaí. 

A instauração da denúncia foi aprovada em comissão especial na assembleia na terça (13). O governador nega responsabilidade na compra dos equipamentos.
Link
Notícias Relacionadas
Comentários »
Contato pelo whatsapp...
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp