26/10/2023 às 09h44min - Atualizada em 30/10/2023 às 00h00min

O futuro do recrutamento: como a tecnologia está impactando o processo de seleção de talentos

Dentre as principais tendências para o setor em 2024 está o aumento do uso de inteligência artificial pelas empresas

Pâmella Cavalcanti
Dvulgação
 

Por Ary Gatto*

Como não poderia deixar de ser, o mundo do recrutamento também está passando por uma revolução impulsionada pela tecnologia. Com a necessidade constante de atrair os melhores talentos em um mercado altamente competitivo, as empresas estão recorrendo à inteligência artificial (IA) e à automação para otimizar seus processos. Pesquisas recentes revelam um aumento na utilização de ferramentas tecnológicas, apontando uma tendência interessante para o futuro da seleção de profissionais.

Segundo um levantamento divulgado pela Harvard Business Review (HBR) em parceria com o software de recrutamento por conversação Paradox, 97% das organizações que adotaram tecnologias automatizadas em seus processos conseguiram contratar pessoas com mais eficiência, agilizando o agendamento de entrevistas e reduzindo a desistência de candidatos. Além disso, 91% dos líderes de negócios e RH entrevistados pela pesquisa acreditam que a transformação digital nos processos de seleção é essencial para o sucesso empresarial em longo prazo.

O fato é que a IA está desempenhando um papel fundamental na triagem e avaliação de profissionais, tornando a seleção mais rápida e precisa. Nesse contexto, uma pesquisa realizada pelo software de currículos ResumeBuilder.com, que conversou com mais de mil profissionais envolvidos em recrutamento, apontou que quatro em cada dez empresas já adotam ou planejam adotar entrevistas com inteligência artificial até o próximo ano. É uma tendência que está ganhando impulso, embora ainda seja mais comum em organizações de grande porte e em funções de entrada ou menos qualificadas.

Vale lembrar, inclusive que, além da automação, as companhias estão usando a tecnologia para aprimorar suas práticas de diversidade e inclusão de pessoas. Plataformas de recrutamento baseadas em IA podem ajudar a identificar candidatos com base em critérios mais amplos, promovendo a igualdade de oportunidades e a diversidade na força de trabalho, que são fatores cada vez mais relevantes para as organizações.

O papel dos recrutadores

Mesmo com todo o avanço do cenário digital, os profissionais de recrutamento continuam sendo essenciais. Eles atuam na definição de estratégias, garantindo a ética no uso da tecnologia e oferecendo uma abordagem humana às interações com os candidatos.

Ainda de acordo com o estudo do ResumeBuilder.com, 15% dos entrevistados acreditam que a IA será usada para tomar decisões sobre candidatos sem intervenção humana. Mesmo que seja minoria, isso levanta preocupações sobre vieses e discriminação. Por mais que contribua para reduzir custos e aumentar a eficiência do recrutamento, o uso dessas ferramentas não está isento de limitações e desafios.

 

Nesse sentido, a importância do papel humano não apenas no processo de recrutamento, mas também para retenção dos talentos, é fundamental. São esses profissionais que analisam e interpretam os dados fornecidos pelos sistemas tecnológicos, contribuindo para que as empresas tomem decisões cada vez melhores e mais embasadas. Vale também lembrar que as pessoas são as responsáveis por tornar os ambientes de trabalho mais inclusivos e diversos, sendo as ferramentas digitais instrumentos estratégicos para apoiar a organização. 

 

*Ary Gatto é sócio-fundador e CEO da Runtalent, empresa especializada em soluções de alocação de profissionais de TI, squads ágeis e serviços gerenciados que atende quase 100 clientes em mais de 12 segmentos.


 

Este conteúdo foi distribuído pela plataforma SALA DA NOTÍCIA e elaborado/criado pelo Assessor(a):
U | U
U


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Manezinho News Publicidade 1200x90
Contato pelo whatsapp...
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp