25/10/2023 às 17h02min - Atualizada em 26/10/2023 às 00h00min

Cresce em 12 pontos percentuais o número de brasileiros que fazem check-up anual, revela Ticket

De acordo com o levantamento, a quantidade de pessoas que fazem avaliações médicas anuais saltou de 22%, em 2021, para 34% este ano

Thais e Silva
www.ticket.com.br
Divulgação

Uma pesquisa realizada pela Ticket, marca da Edenred Brasil de vale-alimentação e vale-refeição, mostrou que os trabalhadores brasileiros estão mais atentos aos cuidados com a saúde. Dos cerca de 500 entrevistados, 34% revelaram que fazem a avaliação médica geral uma vez ao ano, 12 pontos percentuais a mais em comparação com o levantamento feito pela marca em 2021, quando apenas 22% das pessoas deram a mesma resposta.

O total de respondentes que afirmaram fazer check-up mais de uma vez ao ano também foi superior: 26% este ano, contra 18% em 2021. Já o número dos que revelaram que não realizam avaliação médica com frequência caiu de 26.5% para 13%, enquanto os que nunca realizaram foram de 9.5% para 4.5%.

De acordo com Tatiana Romero, Diretora de RH da Ticket, esse resultado pode estar atrelado ao aumento na quantidade de trabalhadores que têm acesso a algum benefício ligado à saúde concedido pela empresa em que trabalha. “Na pesquisa que realizamos há dois anos, 45.5% disseram que recebiam algum benefício de saúde da empresa, enquanto hoje esse percentual subiu para 52%. Considerando os altos custos do atendimento médico, é natural que contando com um convênio médico custeado pela companhia as pessoas tenham mais liberdade e interesse para se cuidar”, avalia.

Ainda segundo a pesquisa da Ticket, apesar do aumento no número de empresas que concedem benefícios de saúde para seus profissionais, 48% deles gastam até R$500 por mês com acompanhamento médico, enquanto 9% desembolsam um valor ainda superior. “Algumas pessoas recebem benefícios custeados parcialmente pela empresa, ou no modelo de coparticipação de acordo com o uso dos serviços, o que faz com que eles ainda precisem arcar com uma parcela do custo com a saúde”, explica a executiva.

Quando questionados sobre a frequência com que realizam atividades físicas, 41.5% revelaram que nunca se exercitam, enquanto 15% fazem exercícios três vezes por semana, 13.5% realizam cinco vezes ou mais, 13% fazem atividades físicas duas vezes por semana, 9% apenas uma vez, e 8% se exercitam quatro vezes.


Este conteúdo foi distribuído pela plataforma SALA DA NOTÍCIA e elaborado/criado pelo Assessor(a):
U | U
U


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Manezinho News Publicidade 1200x90
Contato pelo whatsapp...
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp