11/10/2023 às 16h47min - Atualizada em 12/10/2023 às 00h00min

Outubro Rosa: Como prevenir e reconhecer o câncer de mama?

INCA estima 74 Mil novos casos no Brasil

Divulgação
Divulgação
Outubro é internacionalmente reconhecido como o mês de conscientização sobre o câncer de mama, conhecido como Outubro Rosa. Esta campanha tem como objetivo principal sensibilizar a sociedade sobre a importância da prevenção, detecção precoce e tratamento eficaz desta doença que afeta milhões de pessoas em todo o mundo.

De acordo com estimativas do Instituto Nacional de Câncer (INCA), no período de 2023 a 2025, é esperado que sejam diagnosticados, no Brasil aproximadamente 704 mil novos casos de câncer. Desses, o segundo lugar fica com a neoplasia mamária feminina, sendo 10,5% dos diagnósticos. A detecção precoce do câncer de mama aumenta significativamente as chances de sucesso no tratamento do câncer de mama, mas o sucesso depende de vários fatores individuais.

Vivian Zorzim, coordenadora do curso de Enfermagem do UNASP, explicou algumas das principais dúvidas sobre o câncer de mama e as estratégias de prevenção, detecção precoce e tratamento:
 
  • O que é o câncer de mama e como ele surge?
O câncer de mama é uma condição que se origina nas células da mama e é mais comum em mulheres. A causa exata envolve fatores genéticos, hormonais e ambientais, incluindo idade, história familiar, mutações genéticas, hormônios, obesidade, consumo de álcool e exposição à radiação.
 
  • Como prevenir o câncer de mama?
Embora não seja possível evitar completamente o câncer de mama, algumas estratégias de prevenção incluem manter um peso saudável, praticar atividade física, reduzir o consumo de álcool, amamentar, evitar o uso de hormônios, reduzir a exposição à radiação e conhecer seus fatores de risco pessoais.
 
  • É verdade que o câncer de mama é o que mais mata mulheres?
Sim, de acordo com o INCA possui uma taxa de mortalidade em 2021 de 11,71/100 mil (18.139 óbitos).
 
  • Qual a idade com maior prevalência para o surgimento do câncer de mama? É comum aparecer após os 35 anos?
Embora o câncer de mama possa surgir em qualquer idade, a maioria dos casos ocorre em mulheres acima de 50 anos. No entanto, é essencial que mulheres mais jovens estejam conscientes dos fatores de risco e da importância da detecção precoce.
 
  • O que são "achados mamográficos benignos"?
São características identificadas em exames que não indicam câncer de mama. Eles são observações que não levantam preocupações significativas quanto à presença de um tumor maligno.
 
  • O anticoncepcional usado por muito tempo pode potencializar o câncer de mama?
Sim. No entanto, os benefícios dos anticoncepcionais em prevenir a gravidez indesejada e tratar condições médicas devem ser avaliados em relação aos riscos potenciais.

Passo a passo para o autoexame de mama:
  • Escolha um momento do mês em que seus seios estejam menos sensíveis, geralmente após a menstruação.
  • Em frente a um espelho, observe visualmente suas mamas quanto a qualquer mudança na forma, tamanho, contorno ou na pele das mamas.
  • Levante um dos braços e use a mão oposta para examinar a mama correspondente.
  • Use os dedos indicador, médio e anelar para sentir qualquer caroço, nódulo ou área irregular.
  • Repita o processo para a outra mama.
  • Deite-se de costas na cama com um travesseiro sob o ombro direito.
  • Coloque a mão direita atrás da cabeça e use os dedos da mão esquerda para examinar a mama direita.
  • Inverta a posição das mãos para examinar a outra mama.

Sendo uma doença que afeta a todos nós, a conscientização desempenha um papel vital na luta contra essa condição. “A campanha nos lembra da importância da prevenção, da detecção precoce e do apoio às pessoas afetadas por essa doença. Juntos, podemos fazer a diferença na vida das pessoas e na luta contra o câncer de mama”, finaliza Vivian.

Este conteúdo foi distribuído pela plataforma SALA DA NOTÍCIA e elaborado/criado pelo Assessor(a):
U | U
U


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Manezinho News Publicidade 1200x90
Contato pelo whatsapp...
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp