06/10/2023 às 12h41min - Atualizada em 07/10/2023 às 00h00min

Agentes comunitários de saúde da região central visitam mais de 15 famílias por dia para auxiliar na prevenção de doenças

Agentes ocupam um papel estratégico na rede de atenção primária de saúde no centro

Sophia Olegario Neves Pacheco
Arquivo Pessoal

São Paulo, outubro de 2023 - O agente comunitário de saúde (ACS) ocupa um papel estratégico na rede de atenção primária de saúde. Nas unidades de saúde do Centro de São Paulo, administradas pela Associação Filantrópica Nova Esperança (AFNE), esses profissionais são protagonistas na construção de uma rede de cuidado e proteção para as pessoas em situação de vulnerabilidade social. 

Cada agente da AFNE visita, em média, 15 casas por dia na região central da cidade, incluindo bairros como Bela Vista, Barra Funda e Bom Retiro dando suporte para as famílias da comunidade, em especial idosos. Dentre as principais necessidades identificadas pela população atendida estão dúvidas com relação à remédios e horários, consultas e burocracias do sistema de saúde.  

Segundo Lucas Sartori, vice-presidente da AFNE, esses profissionais desempenham um papel fundamental no suporte à saúde da população. “Especialmente quando olhamos para a saúde mental e física de pessoas idosas, os agentes são, em muitos casos, as únicas visitas dessas pessoas, se tornando peça-chave para identificação de necessidades básicas”, explica Sartori. “De forma ampla atuam na prevenção de doenças por meio da educação e auxiliam famílias inteiras.” conclui o executivo.   

Para a Agente Comunitária da Saúde da UBS Boracea, Lídia Galli, a principal tarefa do ACS é permanecer constantemente atualizado com relação ao sistema de saúde para auxiliar as famílias da comunidade, que possuem muitas dúvidas e necessidades. “As famílias, muitas vezes, carecem de conhecimento sobre os serviços de saúde oferecidos, seus direitos e benefícios disponíveis. Assim, é importante que estejamos bem-informados sobre os programas de assistência e recursos de saúde locais", completa Lídia. 

Saiba mais sobre a Associação Filantrópica Nova Esperança (AFNE) 

Entidade filantrópica fundada em 2003, detentora de título de utilidade pública e CEBAS, com foco em promover e desenvolver gestão de saúde. Em São Paulo, a AFNE é responsável pelo gerenciamento e execução de serviços de saúde em unidades da Supervisão Técnica da Santa Cecília e na Sé, além do Hospital Municipal Santa Dulce dos Pobres, na Bela Vista, a partir de contrato firmado com a Prefeitura do Município de São Paulo, por meio da Secretaria Municipal de Saúde. Acesse www.afne.org.br  

Contato para imprensa: 

 

Agência Fato Relevante - [email protected] 

Sophia Olegário - [email protected] - 62 98106-9916 

Juliana Souza - [email protected] - 11 96287-6723 

Angelita Gonçalves - [email protected] - 11 99196-1129 


Este conteúdo foi distribuído pela plataforma SALA DA NOTÍCIA e elaborado/criado pelo Assessor(a):
U | U
U


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Manezinho News Publicidade 1200x90
Contato pelo whatsapp...
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp