03/10/2023 às 01h24min - Atualizada em 04/10/2023 às 00h00min

A importância da Inteligência Emocional na vida pessoal e profissional

*Daniel Spinelli

Mariana Coelho
Divulgação

Todos nós aspiramos conquistar grandes feitos na vida, deixar a nossa marca no mundo. Queremos prosperar em nossas carreiras, liderar com excelência e fazer parte de equipes que realizam coisas extraordinárias. No entanto, há um aspecto fundamental que muitas vezes negligenciamos em nossa busca pelo sucesso: a Inteligência Emocional (IE).

À medida em que construo a minha jornada profissional na área de desenvolvimento pessoal, fica cada vez mais evidente o papel crucial que a IE desempenha em nossas vidas. A capacidade de nos relacionarmos bem conosco mesmos e com os outros é fundamental para enfrentar os desafios da vida. Essa ideia é observada por Daniel Goleman, um dos mais renomados psicólogos da atualidade: “os que estão à mercê dos impulsos – os que não têm autocontrole – sofrem de uma deficiência moral. A capacidade de controlar os impulsos é a base da força de vontade e do caráter".
 

Enfrentando situações desafiadoras

Na jornada do crescimento, da evolução e do aprendizado, é comum enfrentarmos alguns desafios, e neste momento nos questionamos sobre como as coisas acontecem de formas diferentes das quais esperávamos: expectativas não atendidas; conflitos com colegas de trabalho; um resultado desfavorável ou não ser reconhecido após um esforço; palavras ou ações ofensivas; mais coisas para fazer do que tempo para realizá-las; sentir-se triste, que não lhe incluíram, com medo ou com raiva.

Se eu e você estamos dividindo a mesma realidade, todas essas situações já ocorreram em sua vida e provavelmente ocorrerão novamente. As questões cruciais, porém, são como você lida com essas situações e como isso afeta diversos aspectos de sua vida.

Torcer para que elas não aconteçam sempre é uma opção. Claro que apenas torcer quase nunca é suficiente, então a outra opção que se apresenta é não ignorar uma das qualidades mais importantes que podemos desenvolver na nossa vida, que é o equilíbrio emocional. E é aí que começa a caminhada de preparação real de uma pessoa para enfrentar, com cada vez mais recursos próprios e sabedoria, os desafios que a vida a trouxer.

A Inteligência Emocional é uma chave para enfrentar esses desafios de maneira saudável e construtiva. Ela nos permite compreender e gerenciar nossas emoções, promovendo:

  • melhor qualidade de vida;
  • sono e saúde;
  • motivação e produtividade;
  • relações afetivas e profissionais.

Desenvolvendo a Inteligência Emocional

Poucos de nós tivemos nossas habilidades emocionais desenvolvidas. Viemos de uma educação tecnicista, que nos preparou para responder perguntas, demonstrar domínio sobre conhecimentos, mas raramente para lidar com situações perturbadoras como, por exemplo, um conflito entre colegas.

No entanto, a neuroplasticidade, a capacidade do cérebro de se adaptar e mudar, oferece esperança. Richard Davidson propôs o conceito de que a experiência repetida pode remodelar nosso cérebro. Isso significa que podemos treinar nossas mentes para lidar melhor com nossas emoções.
 

Preparação para os desafios emocionais

O Instituto de Liderança Search Inside Yourself (SIYLI), localizado na Califórnia, dedica-se ao estudo e à disseminação da Inteligência Emocional. Após anos de pesquisa e trabalho com líderes de todo o mundo, eles identificaram três impactos fundamentais para o desenvolvimento das habilidades relacionadas à gestão das emoções:

  • Melhor capacidade de liderança;
  • Melhor desempenho pessoal;
  • Maior felicidade e bem-estar.

Além disso, a IE também melhorou a criatividade, a gestão do tempo e as relações interpessoais.

Na minha jornada, pude observar que o investimento e o desenvolvimento da Inteligência Emocional não acontecem apenas lendo ou frequentando cursos. Centenas de estudos científicos demonstram que podemos remodelar nosso cérebro, especialmente em relação à forma como reagimos em momentos emocionalmente desafiadores. Isso é alcançado por meio de práticas específicas, incluindo, entre outras, as práticas de mindfulness, também chamadas de atenção plena. Desenvolvendo novos hábitos mentais saudáveis, tornamo-nos mais capazes de entender e lidar com nossas próprias emoções e as dos outros.

A Inteligência Emocional é uma habilidade crucial que afeta todos os aspectos de nossas vidas. Ao enfrentar desafios emocionais com equilíbrio e compreensão, podemos melhorar nossa qualidade de vida, nossos relacionamentos e nossos resultados. O desenvolvimento da IE não é só possível, mas essencial para uma vida plena e produtiva.

* Daniel Spinelli é um empreendedor, palestrante e mentor desde 1998. Formado em Gestão de Marketing com especializações em Análise Transacional (AT -202), Coaching e Mentoring certificado pelo ICP, Educador ao Ar Livre pela Outward Bound, Facilitação Experiencial Avançada e MBA em Gestão Estratégica (FGV). É professor de Inteligência Emocional e Mindfulness certificado pelo Search Inside Yourself Leadership Institute - San Francisco/USA, professor convidado de Educação Executiva da PUC-SC, professor convidado do MBA “Competências Estratégicas na Era Exponencial” da FUMEC/SP. Com mais de 30 anos de experiência em cargos de liderança, coordenou programas para mais de 40 mil participantes em mais de 200 organizações em mais de 20 estados brasileiros e 10 países.


Este conteúdo foi distribuído pela plataforma SALA DA NOTÍCIA e elaborado/criado pelo Assessor(a):
U | U
U


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Manezinho News Publicidade 1200x90
Contato pelo whatsapp...
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp