03/10/2023 às 10h41min - Atualizada em 03/10/2023 às 20h02min

Niterra destaca a importância da homologação de peças pelas montadoras

Empresa ressalta três benefícios ao consumidor e ao mecânico que utilizam peças certificadas: o fabricante teve o seu processo de produção aprovado pela montadora; a peça foi testada e aprovada pela montadora; a peça é específica para aquele veículo

João Pedro Ribeiro
Divulgação

São Paulo, outubro de 2023 - A Niterra, multinacional japonesa detentora das marcas NGK e NTK e especializada em componentes para sistemas de ignição e sensores para sistemas de injeção, destaca que o consumidor ou mecânico que utiliza peças certificadas pela montadora tem uma série de benefícios, tais como: o fabricante teve o seu processo de produção aprovado pela montadora; a peça foi testada e aprovada pela montadora; a peça é específica para aquele veículo. 

“Peças conhecidas como homologadas dentro da montadora são aquelas que foram testadas e passaram por um processo de certificação - o que significa que estão aprovadas dentro da montadora como originais”, explica Hiromori Mori, consultor de Assistência Técnica da Niterra do Brasil. “As peças podem estar aprovadas para o fornecimento tanto em OEM (linha de produção) como P&A - revenda em concessionária como peça genuína.”

De acordo com Mori, no caso de velas de ignição e sensores de oxigênio, há um cuidado a mais por se tratarem de peças que podem impactar diretamente as emissões do veículo. “Todo veículo vendido no Brasil precisa passar por um teste de emissões para que a montadora possa ter a sua venda liberada. Esses ensaios, realizados por um órgão certificador, são muito rígidos e seguem a norma ambiental brasileira. Se a montadora quiser trocar de fornecedor, ela tem que homologar em emissões novamente o veículo”, diz.

Niterra: mesmas peças às montadoras e ao mercado de reposição

Em relação à Niterra, afirma Mori, a companhia fornece as mesmas peças às montadoras e ao mercado de reposição sob as marcas e códigos da empresa. “São exatamente as mesmas peças, fabricadas com os mesmos materiais e qualidade e que passaram pelos mesmos testes de certificação, só mudando o código, marca e embalagem. Isso traz duas grandes vantagens para nossos clientes: preços mais competitivos e maior rede de distribuição, o que facilita bastante a compra e a disponibilidade dos produtos.”

Velas de ignição, cabos de ignição e sensores de oxigênio são fornecidos pela Niterra às montadoras no Brasil como peças originais. “O fornecimento depende de cada montadora: para algumas comercializamos todos os produtos; para outras, somente alguns componentes”, compara Mori.

Processos distintos de certificação das montadoras

Segundo Mori, as montadoras realizam basicamente dois processos diferentes de certificação:

- Aprovação do fornecedor: neste caso, são certificadas as linhas de produção do fornecedor, bem como o controle de qualidade, a capacidade de produção e, principalmente, a robustez do processo, e se não há desvios durante a fabricação. No caso de fornecedores nacionais, a montadora aprova também a planta de produção;

- Aprovação do produto: durante este processo, a montadora aprova a peça em si e são verificados os dimensionais, os ensaios de durabilidade e resistência e, acima de tudo, o desempenho do componente. Para as velas também são realizados testes de indicação do grau térmico e durabilidade; já para os sensores são feitos testes de envelhecimento.

Sobre a Niterra

Fundada em 1936, em Nagoya, no Japão, a Niterra é a maior fabricante e especialista mundial em velas de ignição, com forte presença em todos os continentes. No Brasil, a empresa atua há mais de 64 anos, conta com aproximadamente 1.300 funcionários e tem uma fábrica com 625 mil m2 em Mogi das Cruzes, SP. A empresa – detentora das marcas NGK (componentes automotivos) e NTK (sensores) – disponibiliza em seu site dezenas de opções de cursos on-line para mecânicos e aplicadores de produtos. Para mais informações, acesse: http://www.ngkntk.com.br/.

RPMA Comunicação
Anna Carla Jurazecki  (consultora de comunicação) - (11) 9 4247-6804
João Ribeiro (assistente de comunicação) - (11) 98151-3704
Fabiano Oliveira (gerente de comunicação) - (11) 9 9287-5957 

 

 


 

Este conteúdo foi distribuído pela plataforma SALA DA NOTÍCIA e elaborado/criado pelo Assessor(a):
U | U
U


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Manezinho News Publicidade 1200x90
Contato pelo whatsapp...
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp