12/10/2020 às 16h20min - Atualizada em 12/10/2020 às 16h20min

Asfixia após captura incidental foi a casa da morte das toninhas na Praia da Joaquina, diz necropsia

Da Redação
Associação R3/Divulgação
O resultado da necropsia realizada nos dois filhotes de toninha encontrados mortos na Praia da Joaquina, no domingo, apontam para possível causa da morte asfixia/afogamento. Ambas as toninhas tinham marcas no rosto, provavelmente causadas pela captura incidental, a chamada bycatch, mesmo não sendo alvo de pesca, os animais acabam capturados sem intenção.

Segundo a presidente da ONG (Organização Não-Governamental) R3 Animal, a médica veterinária Cristiane Kolesnikovas, a equipe ficou chocada, mesmo acostumada às situações como essa, pois as duas toninhas ainda tinham leite no estômago.

As carcaças serão entregues para pesquisa no Lamaq/UFSC (Laboratório de Mamíferos Aquáticos da Universidade Federal de Santa Catarina). A espécie, mais comum na região do Atlântico Sul, está ameaçada de extinção.

O trabalho de resgate e reabilitação é feito por meio do Projeto de Monitoramento de Praias da Bacia de Santos (PMP-BS), que vai de Laguna SC até Saquarema RJ, e é executado por diversas instituições diferentes, divididos em 15 trechos. Em Florianópolis, o trabalho é desenvolvido pela R3 Animal.
 
Link
Notícias Relacionadas
Comentários »
Contato pelo whatsapp...
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp