28/03/2021 às 17h55min - Atualizada em 28/03/2021 às 17h55min

Figueirense perde, fica perto da zona de rebaixamento e Chape dispara na liderança

Marcos Eduardo Carvalho
Marcio Cunha/ACF
O drama do Figueirense continua. Neste domingo, perdeu para a líder Chapecoense por 3 a 1, no estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis, em duelo válido pela sexta rodada do Campeonato Catarinense.

Com o resultado, a equipe comandada pelo técnico Jorginho segue com 5 pontos e pode até mesmo terminar a rodada na zona de rebaixamento.

A Chape, do técnico Umberto Louzer, se recuperou do revés em casa para o Hercílio Luz, foi para 15 pontos, e segue tranquila na ponta da tabela.

Na próxima rodada, o Figueira recebe o Hercílio Luz, a partir das 19h. No mesmo dia, a Chape recebe o Brusque, um pouco mais tarde, às 21h30, na Arena Condá.

O jogo

Em campo, a Chapecoense começou bem melhor e o goleiro do Figueirense, Émerson Junior, fez dois milagres. O primeiro, aos 14min, em conclusão de Fabinho, quando evitou o gol em bola que havia sido desviada e, depois, quando defendeu chute de Ravanelli cara a cara, desviando para escanteio.

O Figueirense simplesmente não conseguia chutar ao gol de Keiller, que praticamente assistia a partida.
E a ampla superioridade da Chape virou gol aso 35min, Após cobrança de falta ensaiada de Mike, pela esquerda, o lateral Busanello recebeu livre, a zaga do Figueira parou e o atleta concluiu no canto esquerdo de Émerson Junior.
Mesmo em desvantagem, o Figueira não conseguia levar perigo. Parecia não ter forças contra a Chape.

Na etapa final, o time da casa voltou um pouco mais ofensivo, tentando criar algumas chances no início, mas sem levar muito perigo.

Aos 7min, Carlinhos avançou pela esquerda, chutou e a bola desviou na defesa da Chape, indo para escanteio, na melhor chance do Figueirense no jogo.

No lance seguinte, a bola bateu no braço do zagueiro da Chapecoense e o árbitro marcou pênalti. Na cobrança no canto direito, rasteiro, Marllon empatou: 1 a 1.

O gol animou o Figueirense, que cresceu na partida e fazia um segundo tempo muito melhor do que o primeiro.
A Chapecoense estava mais acuada e não tinha mais tanto espaço para tentar contra-atacar. Aos 30min, Marllon teve a chance de virar, quando recebeu na área e, meio sem equilíbrio, acabou cabeceando por cima.

Porém, a defesa do Figueirense voltou a falhar em jogada aérea. Aos 40min, Anselmo Ramon recebeu livre dentro da área, entre dois jogadores alvinegros, e desviou de cabeça, fazendo o segundo gol do líder do campeonato.
Nos acréscimos, novamente com Anselmo Ramon, a Chapoense deu o golpe de misericórdia, em chute de fora da área: 3 a 1, aos 49min.
Link
Notícias Relacionadas
Comentários »
Contato pelo whatsapp...
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp