22/03/2021 às 07h57min - Atualizada em 22/03/2021 às 07h57min

​Santa Catarina inicia distribuição de 146.750 novas doses da vacina contra a Covid-19

Da Redação
Mauricio Vieira/Secom
O governo de Santa Catarina inicia nesta segunda-feira, 22, a distribuição das 146.750 novas doses da vacina contra a Covid-19 que chegaram ao estado no último sábado, 20. Desta vez, serão distribuídas 5.750 doses da AstraZeneca/Fiocruz e 141 mil doses da Coronavac/Butantan.

O avião do Corpo de Bombeiros Militar já decolou do aeroporto Hercílio Luz, de Florianópolis, com as doses que vão abastecer as centrais de Lages, Joaçaba, Videira, Chapecó, São Miguel do Oeste, Xanxerê e Concórdia.O veículo da Dive também seguiu com as doses da regional de Rio do Sul. A partir das 8h, as regionais de Joinville, Grande Florianópolis, Criciúma, Blumenau e Itajaí retiram as vacinas na Central Estadual. Sendo que Joinvile ficará responsável pelas doses de Jaraguá do Sul e Mafra e Criciúma pelas doses de Tubarão e Araranguá. Todos os veículos serão escoltados pela Polícia Militar. 

“Conseguiremos, mais uma vez, distribuir as doses da vacina em tempo recorde. Isso só está sendo possível porque o Governo do Estado e os municípios agiram de forma integrada na aceleração da Campanha de Vacinação contra a Covid-19”, ressalta João Augusto Brancher Fuck, diretor da Dive.

A maior parte das doses da AstraZeneca/Fiocruz serão destinadas à vacinação dos povos e comunidades tradicionais ribeirinhas e quilombolas. De acordo com o Ministério da Saúde (MS), essa população será contemplada com a vacina produzida pela Fiocruz, pois o intervalo de aplicação entre a primeira e a segunda dose é de 12 semanas (3 meses), o que facilita o cumprimento do esquema vacinal, tendo em vista que o acesso a essas comunidades pode demandar um pouco mais de tempo e planejamento. 

As demais doses, 141 mil (Coronavac/Butantan) e 900 (AstraZeneca/Fiocruz), serão destinadas integralmente à vacinação dos idosos acima de 70 anos e dos trabalhadores da saúde. Desta vez, também seguindo recomendação do MS, o estado fará a distribuição de 100% das doses recebidas da AstraZeneca/Fiocruz e Coronavac/Butantan para aplicação da primeira dose (D1), pois há garantia de nova remessa de doses, no prazo adequado para que o esquema vacinal seja finalizado.
 
Link
Notícias Relacionadas
Comentários »
Contato pelo whatsapp...
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp