26/03/2023 às 13h03min - Atualizada em 28/03/2023 às 00h01min

Espro completa 44 anos com 1,1 milhão de atendimentos e o encaminhamento de 477 mil jovens ao primeiro emprego

Em 2022, mais de 26 mil jovens trilharam o Programa de Aprendizagem e quase 4 mil participaram do curso Formação para o Mundo do Trabalho (FMT)

SALA DA NOTÍCIA Isaac dos Santos Toledo
www.espro.org.br
Espro

Em 26 de março, o Espro (Ensino Social Profissionalizante), entidade filantrópica que atua na inserção de adolescentes e jovens em vulnerabilidade social no mundo do trabalho, completou 44 anos. A organização, uma das mais longevas no Brasil na área da socioaprendizagem, já realizou 1,1 milhão de atendimentos sociais e encaminhou 477 mil jovens para a primeira oportunidade de emprego ao longo da sua trajetória, dedicada à capacitação e à inclusão de novos talentos em variados setores da economia.

Em 2022, foram 26,1 mil adolescentes e jovens, entre 14 e 24 anos, atendidos no Programa de Aprendizagem em todo o Brasil, e 4 mil capacitados pelo projeto de capacitação Formação para o Mundo do Trabalho (FMT). Além disso, o Programa de Estágio do Espro, logo em seu primeiro ano, já mostra a solidez da relação da entidade com as empresas parceiras, tornando o estágio uma extensão natural do Programa de Aprendizagem.

O FMT é voltado àqueles que procuram sua primeira oportunidade de emprego, mas ainda não se sentem preparados e seguros o suficiente. O curso é totalmente gratuito e focado no desenvolvimento de competências, habilidades e atitudes demandadas pelas empresas. Temas como ética, cidadania, diversidade, solidariedade e respeito são trabalhados nesta formação. “A partir deste ano, em sintonia com a chegada aos 44 anos de atividades, queremos incorporar ao programa uma prática que iniciamos durante a pandemia:  a entrega de cestas básicas às famílias de adolescentes e jovens cursando o FMT e que vivem situações de alta ou altíssima vulnerabilidade social”, destaca Alessandro Saade, superintendente executivo do Espro.

As doações podem ser feitas por pessoas físicas e jurídicas. Interessados podem acessar mais informações no site do Espro, que acaba de ser  totalmente reformulado com layout modernizado e maior facilidade de navegação. Integrado ao site, a entidade instalou uma moderna e completa central omnichannel com chat, WhatsApp, e-mail, telefone, chatbot permitindo uma melhor comunicação com todos os públicos com quem a entidade se relaciona. 


Oficinas de convivência e geração de renda

Aliado ao conteúdo profissionalizante, o Espro também realiza oficinas de convivência com seus jovens. Dentre os assuntos abordados no ano passado, foram conscientizados sobre Drogas; Sexualidade; Percepção de Território; Pilares da Família e Cidadania; Relações Sociais e Profissionais; Identidade e Integração; Direitos Sociais; Mudança de Hábitos; Saúde Mental; Empoderamento Feminino no Mercado de Trabalho; Erradicação do Trabalho Infantil; e Inteligência Emocional, entre outros assuntos. As sessões reuniram quase 84 mil participantes em 2022.

Para os familiares e membros das comunidades dos jovens, foram realizadas no ano passado, pelo menos, cinco oficinas de geração de renda por mês. O Espro capacitou e estimulou o empreendedorismo por meio do desenvolvimento de habilidades para produção de itens ou oferta de serviços que geram receita imediata e aquecem a economia local. Foram trabalhados 31 diferentes temas, entre eles produtos de limpeza sustentável; ovos de páscoa; decoração de festas e eventos; e maquiagem, entre outros. Ao todo, mais de 1.300 pessoas foram beneficiadas com as oficinas, que permitiram  adquirir conhecimentos para obter renda extra ou seguir uma nova ocupação. 

“As oficinas são ações com foco na superação da condição de vulnerabilidade social, criando oportunidades de inclusão no mercado de trabalho a partir do desenvolvimento de conhecimentos específicos, habilidades e atitudes  em diferentes áreas. Como resultado, observamos a complementação da renda familiar, o fortalecimento de vínculos sociais, com consequente elevação da autoestima, melhoria na qualidade de vida, trabalho e renda e surgimento de novos negócios”, afirma Saade.


Responsabilidade social corporativa

Em fevereiro, o Espro promoveu a 1a edição do Fórum Empresarial de Aprendizagem para fomentar a discussão nas empresas sobre a inclusão produtiva das juventudes de forma efetiva, além da noção de que a socioaprendizagem pode ajudar na construção de agendas corporativas de ESG (sigla em inglês para ambiental, social e governança). 

“As empresas têm um papel determinante na implementação dos temas sda agendaESG. Cabe não apenas ao poder público, mas também a associações da sociedade civil, como a nossa, conscientizar as lideranças do setor privado de que a socioaprendizagem é um investimento eficaz para a redução das desigualdades e a inclusão social e econômica”, avalia Saade.

Sobre o Espro 

O Espro (Ensino Social Profissionalizante) atua na inserção de adolescentes e jovens em vulnerabilidade social no mundo do trabalho, por meio da socioaprendizagem, oferecendo uma extensa jornada gratuita, que começa nos Projetos de Formação para o Mundo do Trabalho (patrocinados ou personalizados para nossos parceiros) e segue no Programa de Aprendizagem Profissional ou no Programa de Estágio. Dessa forma, a entidade cumpre cinco dos 17 objetivos de desenvolvimento sustentável da ONU: trabalho decente e crescimento econômico, redução das desigualdades, educação de qualidade, saúde e bem-estar e erradicação da pobreza.

O objetivo principal do Espro é permitir aos jovens do Brasil desenvolver seus talentos para que assumam o protagonismo da construção do seu futuro e de uma sociedade mais inclusiva, bem como apoiar suas famílias e comunidades, seja por meio de projetos de capacitação ou assistência social.

Em 44 anos de existência, a entidade encaminhou 477 mil jovens para sua primeira oportunidade de emprego e realizou 1,1 milhão de atendimentos sociais, englobando visitas domiciliares, acompanhamentos psicológicos, visitas técnicas, oficinas de geração de renda, encaminhamentos para a rede de apoio e outras iniciativas para desenvolver e melhorar a vida e o ambiente na jornada destes jovens e das comunidades onde vivem.

As empresas e parceiros do Espro têm acesso a um portfólio completo de soluções de recrutamento de jovens com a finalidade de transformar a sociedade por meio de projetos de impacto social idealizados para cada uma de suas necessidades.

O Espro está em 8 grandes centros (capitais e regiões  metropolitanas) e tem 8 mais de  50 polos regionais espalhados pelo Brasil, alcançando 992 municípios, capacitando anualmente mais de 30 mil jovens por meio dos programas e projetos. Para ampliar sua capilaridade nacional, a entidade criou a Rede de Aprendizagem Espro (RAE) que estabelece alianças com outras organizações para fazer o acolhimento dos jovens de forma colaborativa, por meio do seu Sistema de Aprendizagem (SAE).

Informações para a imprensa:

2PRÓ Comunicação

Carolina Mendes - [email protected]

Isaac Toledo – [email protected]

Telefone: (11) 9-3373-1977


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Manezinho News Publicidade 1200x90
Contato pelo whatsapp...
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp