07/03/2023 às 15h48min - Atualizada em 08/03/2023 às 16h06min

As diferenças culturais nos Estados Unidos são iguais como em qualquer lugar do mundo

SALA DA NOTÍCIA Julia Ramires Reyes - SK Comunica
“A confusão cultural”. Na verdade, a cultura é universalmente complexa. Hoje vivemos vários momentos delicados onde as pessoas “independente do país em que vivem” se sentem muito sufocadas seja por causa do “trabalho”, “religião”, “partido político”, “futebol” e outras formas de comunicação que causam um “choque cultural”. O jornalista  e apresentador George Robert’s conta como é essa confusão cultural.
 
Hoje, por exemplo, quem vive no Brasil pensa que nos Estados Unidos não existe essa problemática de divisão de opiniões. Posso afirmar que só muda a questão “Cultural e geográfica”. Na América, é interessante a forma de como cada família se preocupa com seu próprio “bem-estar”. Mesmo com a divisão de opiniões entre pais, filhos e amigos, as pessoas preservam o “respeito” entre si, pois a opinião faz parte de uma formação educativa e cultural.
Quando a gente deixa o Brasil e passa a viver nos Estados Unidos, é importante ter o conhecimento da língua, cultura e leis.
Por que sempre falo sobre isso?
Viver em outro país é como recomeçar tudo novamente e é necessário que exista muito preparo “educativo” para viver longe de quem amamos. Somente vivendo para entender esse processo de análise onde temos a oportunidade de entender as diferenças culturais. Acredite ou não... Só muda o processo linguístico e geográfico. Hoje o mundo enfrenta uma guerra interna e externa onde as pessoas literalmente não têm mais paciência umas para com as outras. Hoje, se fala tanto em “amar”, “ser gentil”, “respeitar” e “inclusão social” e na verdade é difícil conscientizar o outro. É hora de se desarmar para que possamos viver em paz.
 
O que quero dizer com todo esse discurso?
Que a problemática sobre política, educação e a divisão de opiniões é como o amor... “Está em todos os lugares, somente muito dividido”. E para não nos sentirmos perdidos, é necessário que aprendamos algo importante “ninguém é ou será perfeito para ninguém” ou melhor dizendo: “Ninguém é politicamente correto, independentemente de onde vivemos”.
Para saber mais sobre o trabalho do jornalista e apresentador, acesse o Instagram @georgerobertstalksoficial e inscreva-se no canal do YouTube “George Robert’s Talks” para acompanhar entrevistas com pessoas que fazem a maior diferença.

 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Manezinho News Publicidade 1200x90
Contato pelo whatsapp...
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp