08/10/2020 às 20h06min - Atualizada em 08/10/2020 às 20h06min

Brasil estreia contra a Bolívia e Neymar é dúvida

Da Redação
Lucas Figueiredo/CBF
O Brasil encara a Bolívia na noite desta sexta-feira, a partir das 21h30, na Neo Química Arena, em São Paulo, na abertura das Eliminatórias Sul Americanas para a Copa do Mundo de 2022.

Após conduzir a Seleção Brasileira à sua melhor campanha na história das Eliminatórias da Copa do Mundo, Tite frisou paciência com o trabalho estabelecido para a caminhada rumo ao Catar. O início deste ciclo, que envolve renovação, busca por consistência e desempenho, será um processo longo, já que nem sempre é possível encontrar o melhor futebol de um time já nas primeiras partidas. Perguntado se espera um encaixe tão rápido neste novo ciclo como quando assumiu o time, o técnico ressaltou que algumas adversidades são naturais neste processo.

O treinador garantiu Weverton e Douglas Luiz como titulares na estreia.  Novidade no time, Douglas disputava uma vaga no meio-campo com Bruno Guimarães, segundo o próprio treinador. O meia do Aston Villa levou a melhor e deve começar a partida desta sexta atuando mais pelo lado esquerdo. Tite explicou a decisão:

"O nosso lado esquerdo é que vai dar liberdade maior para o lateral, onde vai ter o atacante que também tem essa função. Ele vai fazer articulação, um jogador que abastece esses homens de frente e que seja como reboteiro. Ele tem valências técnicas, ele bate bem na bola de média distância, é um jogador competitivo", constatou.

Uma das dúvidas do Brasil para a partida é Neymar. O camisa 10 ainda trata lesão na lombar e, caso não possa jogar, deve ceder a vaga a Everton Ribeiro. O médico da Seleção Brasileira, Rodrigo Lasmar, descreveu o atual status clínico do atacante.

"Ontem, ele não conseguiu treinar, relatou dores na região lombar, sem trauma. Durante o aquecimento ele foi avaliado e retirado do treino. Ele teve uma pequena melhora de ontem para hoje. Mas não temos nem 24 horas da dor mais intensa. É importante relembrar que tivemos um deslocamento com ônibus, avião, isso tudo dificultou um pouco o tratamento. Ele vai ficar no hotel fazendo um trabalho intensivo e vamos aguardar a resposta dele para que possamos amanhã passar uma posição mais definitiva para o Tite".


"Quando você inicia um trabalho e logo em seguida ele cresce e se consolida tão rápido quanto nas Eliminatórias (para 2018), é a exceção à regra. Não é assim que as coisas funcionam. As coisas funcionam, no futebol, tal qual em outra atividade, com construção, maturidade, lançamento de jovens, manutenção de experientes, metas, competição leal. Tomara que a gente tenha essa felicidade (agora), mas não é o real", reforçou.
Link
Notícias Relacionadas
Comentários »
Contato pelo whatsapp...
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp