21/02/2021 às 11h49min - Atualizada em 21/02/2021 às 11h49min

​Chapecó quer ao menos mais 20 leitos de UTI para Covid-19

Da Redação
Divulgação
 O prefeito de Chapecó, João Rodrigues, ligou neste sábado para o secretário estadual de Saúde, André Motta Ribeiro, e pediu pelo menos mais 20 leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) para minimizar os impactos do colapso no sistema de saúde da cidade por causa da pandemia do novo coronavírus.
 
Na noite de sábado, três aeronaves solicitadas pelo prefeito e que foram emprestadas de forma gratuita por empresários da região, foram buscar quatro profissionais em Florianópolis e mais 12 em São Paulo, que com outros dois da região somaram 18, para colocar em funcionamento 42 leitos de UTI.
 
Outros oito já estavam funcionando, dos 50 anunciados durante a semana. Com isso os leitos de enfermaria passam de 30 para 80. “Estamos trabalhando com a nossa equipe de Saúde, hospitais e o Governo do Estado na abertura de novos leitos, busca de equipamentos e contratação de mais profissionais. Todos estão de parabéns pelo empenho e dedicação. Tivemos a solidariedade de muitos empresários também. E neste domingo vamos instalar mais dez camas novas na UPA, pois vi pessoas esperando leito em cadeiras e isso me doeu o coração”, disse o prefeito nas redes sociais.
 
“Estamos fazendo de tudo para atender as pessoas que precisam leito aqui em Chapecó, evitando transferências. Queremos limpar a fila de espera na UPA para que possamos atender outros pacientes. Se Deus quiser, isso vai passar”, disse Rodrigues.
 
Ele também anunciou a compra de mais dez camas direto da fábrica, que devem chegar neste domingo, para que as pessoas não fiquem numa cadeira por falta de leito.
 
Link
Notícias Relacionadas
Comentários »
Contato pelo whatsapp...
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp