04/07/2022 às 16h06min - Atualizada em 05/07/2022 às 00h00min

Schneider Electric vence duas categorias no Prêmio CEBDS de Liderança Feminina

Globalmente, até 2025, a empresa tem a meta de obter 30% das posições executivas e 40% das gerenciais preenchidas por mulheres

SALA DA NOTÍCIA Priscila Tapajós

A Schneider Electric, líder global em transformação digital de gerenciamento e automação de energia, venceu duas categorias durante a 5ª edição do Prêmio CEBDS de Liderança Feminina – a de Mulheres no Board e a de Empresas Associadas.  

Desenvolvida pelo Conselho Empresarial Brasileiro para o Desenvolvimento Sustentável (CEBDS), a premiação tem o objetivo de reconhecer empresas associadas (atualmente são mais de 90) por meio de suas iniciativas e projetos que promovem a igualdade de gênero e impulsionam a execução de projetos sociais com essa finalidade.

A Schneider Electric foi reconhecida, principalmente, pela sua contribuição no alcance do Objetivo do Desenvolvimento Sustentável (ODS) 5 da ONU – que visa alcançar a igualdade de gênero e empoderar todas as mulheres e meninas – e, também, por incentivar a formação de novas lideranças femininas. 

Milena Rosa, Gerente de Sustentabilidade e Responsabilidade Social para América do Sul, venceu na categoria Empresas Associadas. Em 2018, ela assumiu, paralelamente à sua função na área de serviços e de maneira voluntária, a diretoria do Instituto Schneider Electric na comunidade e, em 2021, foi nomeada líder de Responsabilidade Social da Schneider Electric Brasil.

“A Schneider é uma empresa de pessoas que trabalham com um propósito significativo e se sentem capacitadas para gerar um impacto positivo. Receber esses reconhecimentos nos indica que estamos no caminho certo. A diversidade, equidade e inclusão representam imperativos morais e de negócios, e esperamos que o nosso caso de sucesso inspire outras empresas a agir”, afirma Milena.

Como um todo, a Schneider Electric recebeu o prêmio na categoria Mulheres no Board. Globalmente, até 2025, a empresa tem a intenção de fazer que 30% das posições executivas, 40% das gerenciais e 50% de todas as contratações sejam preenchidas por mulheres. Além disso, a empresa visa atingir menos de 1% de diferença salarial entre homens e mulheres até 2025. 

No Brasil, onde a empresa atua há 75 anos, já são 23% de mulheres em posições executivas, 36% em posições gerenciais e 45% em contratações. Além disso, no País, o comitê de direção é composto por 36% por mulheres.

Sobre a Schneider Electric

O propósito da Schneider é empoderar todos para que obtenham os melhores resultados com nossa energia e nossos recursos, alavancando o progresso e a sustentabilidade.

Chamamos isso de “Life Is On”.

Nossa missão é ser seu parceiro digital para sustentabilidade e eficiência.

Conduzimos a transformação digital ao integrar tecnologias de processo e energia, conectividade de produtos na nuvem, controles, software e serviços, por todo o ciclo de vida do produto, propiciando um gerenciamento integrado de empresas, para casas, edifícios, data centers, infraestrutura e indústrias.

Somos as mais locais das companhias globais. Lutamos por padrões abertos e ecossistemas de parceria entusiasmados com nossa proposta significativa e inclusiva e nossos valores de empoderamento.

www.se.com 

Informações sobre a Schneider Electric para a imprensa

RPMA Comunicação

schneider@agenciarma.com.br

Michel Marechal (11) 95896-9561

Priscila Zucas (11) 99344-6836

Rebecca Emy (11) 99240-4550

Wagner Hiroi (11) 99195-9080



 
Link
Notícias Relacionadas
Comentários »
Contato pelo whatsapp...
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp