11/01/2021 às 00h00min - Atualizada em 11/01/2021 às 00h00min

De olho no acesso, Brusque recebe o Ituano e pode fazer história

Marcos Eduardo Carvalho
Jefferson Alves/Brusque FC
O Brusque tem nesta segunda-feira o jogo mais importante da temporada. Uma temporada marcada por uma pandemia que paralisou o futebol e que teve o time catarinense ficando com o vice-campeonato estadual. Porém, agora, poderá dar um dos maiores saltos de sua história. Se vencer o Ituano, a partir das 20h, no estádio Augusto Bauer, em Brusque, vai conquistar o acesso à Série B do Campeonato Brasileiro.

Com 6 pontos, o Quadricolor é o segundo o grupo C do Campeonato Brasileiro da Série B, com um a mais do que o time paulista, e uma vitória fará com que não possa mais ser alcançado por ao menos duas equipes do quadrangular. Os dois primeiros colocados conquistam o acesso. O Vila Nova, com 7 pontos, lidera a chave, mas tem um jogo a mais após vencer o Santa Cruz por 2 a 1; o time pernambucano, com 5 pontos, ainda está na briga.

Na rodada passada, o time comandado pelo técnico Jerson Testoni venceu o Vila Nova por 3 a 0, fora de casa, o que garantiu a liderança da chave e ainda acabou com um jejum de dez jogos sem vitórias na competição.

E, depois de um campeonato turbulento, com direito a uma histórica goleada de 8 a 1 sofrida em casa para o Volta Redonda na primeira fase, que quase comprometeu a campanha, o Brusque agora pode conquistar o acesso.

Desde que a Série B do Brasileiro atingiu o atual formato, em 2006, o Quadricolor nunca participou. O time catarinense até jogou a Série B no distante ano de 1989, mas foi um torneio em que os clubes eram convidados. Na época, a equipe tinha apenas dois anos de existência.

Agora, o campeão catarinense de 1992 quer mais uma conquista importante para a sua relativamente curta história. E, se não vencer logo mais, ainda poderá tentar a vaga na última rodada, fora de casa, contra o Santa Cruz.
O treinador disse que não existe ansiedade e que agora é a hora de acreditar no trabalho. “Eu sempre falo para os nossos atletas que estamos prestes de fazer um jogo histórico e quando chega numa partida dessa, decisiva, não se prepara em uma semana. É desde a pré-temporada, para chegar a esse momento”, disse.

“O grupo é experiente, fizemos uma boa semana de trabalho. Vamos pegar uma equipe competitiva também, o jogo vai ser definido nos detalhes e é o que vamos esperar para o jogo de segunda-feira, fazendo uma partida bem competitiva e buscando o acesso”, afirmou Testoni, ressaltando que ainda falta muita coisa.

“Ainda não conquistamos nada, mas quanto a muita gente não acreditar, nós nunca duvidamos. Muita gente disse que o grupo era rachado no vestiário, mas não tem nada disso, mesmo depois do 8 a 1 (derrota em casa para o Volta Redonda)”, disse o comandante.

Testoni disse que sempre acreditou no caminho da equipe nesta Série C. “A gente sabia que estava no caminho e graças a Deus conseguimos esse resultado positivo em Goiânia e esse próximo jogo vai definir muita coisa. Uma vitória garante a gente na Série B, mas vai ser um jogo muito decisivo, com o adversário com um ponto atrás”, afirmou.

“A gente vai encarar como um jogo decisivo, claro, mas um jogo como qualquer outro. Quando acabou a primeira fase e a gente classificou apertado, coloquei que a gente ia entrar forte nesta fase. Vamos nos entregar e dar o máximo como sempre fizemos nos jogos, em busca desse objetivo”, finaliza.
Link
Notícias Relacionadas
Comentários »
Contato pelo whatsapp...
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp