03/01/2021 às 17h25min - Atualizada em 03/01/2021 às 17h25min

Marcílio Dias leva gol no final e fica no empate no jogo de ida das quartas de final

Marcos Eduardo Carvalho
Marcílio Dias/Divulgação
O Marcílio Dias levou um gol aos 43min do segundo tempo e cedeu o empate por 1 a 1 para o Altos neste domingo à tarde, no estádio Gigantão das Avenidas, em Itajaí, no jogo de ida das quartas de final do Campeonato Brasileiro da Série D, onde quem avançar conquista o acesso à Série C do ano que vem.

A volta será no próximo domingo, a partir das 15h45, no estádio Felipão, em Altos. Com o resultado da ida, o time catarinense agora precisa vencer fora de casa para avançar, já que os piauienses têm a vantagem de dois resultados iguais por conta da melhor campanha.

Em campo, os primeiros minutos foram de muita movimentação, mas pouca criação. O Marinheiro não conseguia pressionar e o Altos tentava chegar nos contra-ataques. Era um jogo tenso.

Aos 18min, a primeira boa chance, com o atacante Adriano Paulista, que cabeceou forte e o goleiro Marcão segurou firme.

Outra grande chance veio aos 21min, com Anderson Ligeiro. Ele recebeu lançamento pela direita, correu mais do que a zaga, driblou o goleiro, mas ficou sem ângulo para bater com força, aí a defesa do Altos afastou em cima da linha.

Aos 28min, em ataque bem articulado pela esquerda, a bola foi invertida para Luiz Renan, pela direita, que chutou cruzado, da entrada da área, com perigo, à direita do goleiro do Altos.

Um minuto depois, foi a vez dos visitantes assustarem. Em contra-ataque pela esquerda, Tiaguinho lançou Manoel, que chutou também cruzado, mas o goleiro do Marinheiro Belliato desviou para escanteio.

O Altos continuou no ataque e, na sequência do lance, nova defesa difícil do goleiro do Marcílio, que desviou para escanteio. O time da casa seguia com dificuldades para se impor.

Aos 42min, o goleiro do Marcílio Dias fez outra grande defesa, sempre em jogada pela esquerda, pegando outro bom chute de Manoel.

No segundo tempo, o time da casa foi para cima e deu o primeiro chute a gol logo aos 30 segundos. Mas o Altos estava bem vivo e, aos 3min, com Manoel, quase abriu o placar; em chute da entrada da área, Belliato fez grande defesa, em dois tempos.

O jogo estava quente e, aos 5min, após cobrança de falta da direita, Zé Vitor testou e o goleiro Marcelo espalmou de forma espetacular para escanteio, evitando o primeiro gol do Marinheiro.

Aos 10min, Luan chegou a marcar o gol do time da casa, de cabeça, desviando uma cobrança de falta, mas ele cometeu falta de ataque e o lance foi invalidado.

Um minuto depois, com Betinho, o Altos respondeu e quase abriu o placar, em jogada pela direita em que o chute saiu à esquerda, com perigo.

O Marcílio Dias, porém, estava com volume de jogo bem maior do que na etapa inicial. Aos 17min, em falta pela esquerda, o goleiro do Altos novamente desviou para escanteio.

O gol estava amadurecendo e, aos 25min, Alessandro abriu o placar em chute cruzado, rasteiro, após bate-rebate na grande área que já havia tido uma grande defesa de Marcelo. Mas, na sobra, saiu o primeiro zero do placar.
Dois minutos depois, Belliato fez grande defesa e chute no ângulo do Altos; o goleiro do Marinheiro foi buscar no ângulo para desviar de forma espetacular.

O jogo ficou aberto e o Marcílio Dias perdeu grande chance com Felipe Pará, que recebeu livre pela direita e tocou por cobertura; a bola passou raspando o travessão.

Mas o Altos não estava morto, foi para cima e, aos 43min, chegou ao empate. A jogada começou com belo drible de Jean na linha de fundo; ele cruzou na segunda trave e Manoel, de cabeça, desviou para empatar: 1 a 1.
 
Link
Notícias Relacionadas
Comentários »
Contato pelo whatsapp...
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp