28/12/2020 às 00h00min - Atualizada em 28/12/2020 às 00h00min

Ceasa projeta investimento de R$ 1,13 milhão no ano que vem em SC

Da Redação
Cristiano Estrela/Secom
O Ceasa-SC (Central de Abastecimento do Estado de Santa Catarina) projeta um investimento de R$ 1,13 milhão para o ano de 2021. Os dados foram divulgados neste último sábado.

De acordo com o balanço, só em 2020 foram mais de R$ 400 mil em obras estruturais. No total, somando 2020 e 2021, o investimento chega a R$ 1,5 milhão.

Segundo o diretor-presidente da Ceasa-SC, Angelo Di Foggi, os investimentos realizados visam atualizar a estrutura, os processos e a gestão de pessoas na central, que estava defasada há anos. “Quando assumi a presidência do entreposto, em 2019, o sentimento era de estar em uma empresa com pelo menos 20 anos de atraso. Hoje, nossa equipe atua com o propósito de fazer um trabalho ágil, eficaz e contínuo, de forma estratégica e alinhada com as políticas da Secretaria de Estado da Agricultura e Desenvolvimento Rural, bem como das empresas Cidasc e Epagri”, disse Foggi.

Pela primeira vez na história, foi realizado um pregão eletrônico na Ceasa. A medida foi para prestação de serviço de limpeza, elaboração e execução de Plano de Gestão de Resíduos Sólidos.

PANDEMIA.

Um dos maiores desafios que a Ceasa enfrentou este ano foi a pandemia da Covid-19. Foi necessário se adaptou rapidamente para seguir as medidas sanitárias recomendadas, com medição de temperatura na entrada, disponibilização de álcool em gel por todo o entreposto e sensibilização dos usuários para o uso correto da máscara e o respeito ao distanciamento social.

Apesar da redução da circulação de pessoas, as doações de alimentos ao projeto Mesa Brasil, do Sesc-SC, foram mantidas. Entre janeiro e outubro de 2020, foram doados mais de 800 mil quilos de alimentos para instituições e famílias em situação de vulnerabilidade social atendidas pelo projeto, cuja sede fica na unidade de São José da Ceasa.

Além dos investimentos, a Ceasa/SC também arrecadou recursos ao licitar boxes que estavam vagos na unidade de São José.

Os boxes 210 e 701 ganharam novos permissionários. Ao todo, foram levantados mais de R$ 313 mil com a licitação desses espaços.
Link
Notícias Relacionadas
Comentários »
Contato pelo whatsapp...
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp