12/12/2020 às 00h00min - Atualizada em 12/12/2020 às 00h00min

​Comércio varejista de SC tem melhor desempenho da região Sul em outubro

Da Redação
Ricardo Wolffenbuttel/ SECOM
Em meio ao crescimento de casos do novo coronavírus e risco de colapso do sistema de saúde de Santa Catarina, ao menos uma boa notícia esta semana: o comércio varejista do estado apresentou aumento de 11% nas vendas em relação ao mês anterior, de acordo com dados divulgados pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), nesta última quinta-feira.

Em comparação com os outros dois estados da região Sul do país, o desempenho foi quase três vezes melhor do que o Paraná, que teve alta de 4,7%, e quase seis vezes mais que o Rio Grande do Sul, que teve aumento de 2,2% no período.

O levantamento do IBGE faz parte da PMC (Pesquisa Mensal do Comércio). Santa Catarina ainda teve um desempenho quase duas vezes melhor do que a média nacional em outubro: 6%. A melhora das vendas no mês, em todo o país, também se deve à flexibilização das atividades comerciais e ao fato de ter sido o mês das Crianças, onde a venda de brinquedos ajudou a impulsionar o comércio varejista.

ACUMULADO.

Com esse resultado, o varejo ampliado de Santa Catarina já acumula, no ano, um crescimento de 2,3% no volume de vendas, enquanto o nacional apresenta retração de 2,6%, quando comparado com o mesmo período de 2019. Nos últimos 12 meses, o varejo estadual cresceu 4%, enquanto a média brasileira teve um recuo de 1,4%.

O crescimento, na comparação com outubro de 2019, foi impulsionado pelos segmentos de varejo de alimentos (+15,2%); de móveis e eletrodomésticos (+22,2%); de tecidos, vestuário e calçados (+5,5%); de artigos farmacêuticos (+12%); materiais de construção (+36,6%) e outros artigos de uso pessoal e doméstico (+11,4%). Veículos e Motocicletas registraram crescimento pelo segundo mês consecutivo, de 7,6% em setembro e de 3,9% em outubro.

Além disso, o índice de confiança do comerciante catarinense, calculado pela Fecomércio-SC (Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo de SC), mostra que a variação mensal teve uma alta de 8,1%, passando de 109,6 pontos em outubro para 118,5 pontos em novembro. Houve também redução nas perdas da variação anual para 10,3%.

“Somos um estado com economia diversificada e com um povo trabalhador e inovador. Por isso, mesmo em meio a uma pandemia, temos conseguido avançar nos indicadores econômicos. Nosso esforço continua para criar oportunidades aos catarinenses”, disse o governador Carlos Moisés (PSL), através da assessoria de imprensa, ao analisar o resultado da pesquisa.
Link
Notícias Relacionadas
Comentários »
Contato pelo whatsapp...
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp