08/12/2020 às 08h02min - Atualizada em 08/12/2020 às 08h02min

Idosa de 91 anos é a primeira britânica a receber a vacina contra a Covid-19 nesta terça

Da Redação
Divulgação
Começou nesta terça-feira a campanha no Reino Unido de vacinação contra a Covid-19, a primeira a ser adotada dentro de protocolos usuais de saúde pública, através da fórmula da Pfizer/BioNTech, aprovada na última quarta-feira. Idosos, funcionários e residentes de asilos e profissionais de saúde que atuam na linha de frente da pandemia devem ser os primeiros contemplados.

O processo britânico será acompanhado com lupa por todo o planeta pela complexidade da operação. A vacina da Pfizer/BioNTech, por exemplo, depende de armazenamento a -70°C, o que exige freezers especiais e um transporte meticuloso. 

Além disso, o papel do Sistema Nacional de Saúde britânico (NHS, na sigla em inglês) reflete o primeiro grande teste de um sistema público — a logística exigida pelos critérios técnicos do imunizante é um desafio até mesmo para o Reino Unido — em um país de quase 70 milhões de habitantes.

Margaret Keenan, uma britânica de 90 anos, tornou-se a primeira pessoa no mundo a receber a vacina da Pfizer contra a Covid-19 fora de um ensaio clínico.

Keenan recebeu a injeção em um hospital em Coventry, no centro da Inglaterra, na manhã desta terça-feira (8) às 6h31 no horário local (3h31 no horário de Brasília), uma semana antes de completar 91 anos.

"Sinto-me muito privilegiada por ser a primeira pessoa vacinada contra a Covid-19", disse Keenan.

"É o melhor presente de aniversário antecipado que eu poderia desejar porque significa que posso finalmente esperar passar um tempo com minha família e amigos no Ano Novo, depois de estar sozinha na maior parte do ano", completa.
Link
Notícias Relacionadas
Comentários »
Contato pelo whatsapp...
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp