08/12/2020 às 00h00min - Atualizada em 08/12/2020 às 00h00min

Em crise e sem técnico, Avaí recebe a líder Chapecoense no clássico catarinense

Marcos Eduardo Carvalho
André Palma Ribeiro/Avaí F. C.
Avaí e Chapecoense fazem o clássico catarinense da 27ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B nesta terça-feira, a partir das 21h30, no estádio da Ressacada, em Florianópolis, em situação diferentes na temporada.

Enquanto a Chape, do técnico Umberto Louzer, com 51 pontos, lidera com quatro pontos de vantagem sobre o vice-líder América-MG, o Leão da Ilha vem de três jogos sem vitórias, está em nono lugar, com 37 pontos, seis atrás do último time dentro do G-4 e demitiu o técnico Geninho após empate fora de casa contra o Operário, em Ponta Grossa, a rodada passada. Evando Camilatto vai comandar o time interinamente no confronto.

Para continuar firme na briga pelo acesso, o Avaí precisa superar o rival logo mais e também superar o clima de tensão no clube. Na noite de domingo, por exemplo, o zagueiro Airton foi agredido a socos por um torcedor, com direito a vídeo reproduzido nas redes sociais. Ele, Ralf, Jonathan e Ronaldo, que também estava na rua, acabaram afastados pela diretoria, por tempo indeterminado, por descumprirem os protocolos da Covid-19.

Ramon e Zé Marcos, que estavam machucados, retornam ao time nesta terça-feira e ficam à disposição do treinador interino.

VERDÃO.
Pelos lados da Chape, o ambiente é bem mais tranquilo. Apesar de três defalques (Anderson Leite, Alan Santos e Denner), o time do oeste do estado quer complicar a vida do Avaí e encaminhar ainda mais o acesso. Na rodada passada, também fora de casa, arrancou empate nos acréscimos contra o Juventude, que acabou deixando o G-4 e hoje está em quinto lugar, com 42 pontos, nove a menos do que a Chapecoense.
 
 
Link
Notícias Relacionadas
Comentários »
Contato pelo whatsapp...
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp