23/11/2021 às 00h00min - Atualizada em 23/11/2021 às 00h00min

Handebol busca integração esportiva a crianças e adolescentes do Monte Cristo, em Florianópolis

Da Redação
Arquivo SME
Promover inclusão social, oportunizar qualificação para o mercado de trabalho e até mesmo inserir pessoas em uma modalidade esportiva para a descoberta de novos talentos têm sido uma das filosofias do Programa Bairro Educador, da Prefeitura de Florianópolis.

No bairro Monte Cristo, por exemplo, a oficina de handebol, ministrada pelo professor Rodrigo Nagel, está implantando estas filosofias e mais: está possibilitando uma experiência ímpar para cerca de 20 crianças e adolescentes. Acostumados com o futebol, o grupo está descobrindo no dia a dia, por meio dos treinamentos, na quadra do Programa, as nuances de uma modalidade que não conheciam de perto.

 Desta feita, às segundas, quartas e sextas-feiras, no período da manhã e tarde, dois grupos específicos de alunos aprendem, brincando, todos os benefícios do handebol: melhoramento do condicionamento físico e aprimoramento da coordenação motora, saber trabalhar em equipe e tomar decisões rápidas, melhoria do desempenho cardiorrespiratório e a circulação sanguínea, tonificação da musculatura do corpo inteiro, entre outros benefícios.

Posição em quadra, o passe, fazer o gol, tomadas de decisões então no bojo dos ensinamentos passados para os alunos pelo professor Rodrigo Nagel. Ele destaca que o perfil do grupo é constituído por meninos e meninas entre cinco a 14 anos e enfatiza a importância da oficina de handebol.

“Eu acredito que o esporte é uma ferramenta muito importante para mudar a realidade social das pessoas. O esporte traz disciplina, responsabilidade, cooperação, competitividade, fatores fundamentais não somente para o esporte, mas também para a vida dessas crianças futuramente”, ensina.

Naiza Ludmila da Luz, tem 9 anos e está na oficina desde agosto. “É minha vida fazer handebol aqui, pois além de praticar o esporte faço bastante amizades. Aqui tenho amigos como a Ana, o Antônio, o Deivid, o Samuel, o Rafael e a Livia. Um dia vou ser jogadora profissional e ser famosa”, acredita.

Transformando vidas

“Mais uma vez o Bairro Educador, no Monte Cristo, nos traz alegria. É o esporte e a educação de mãos dadas transformando vidas”, destaca o secretário de Educação da Capital, Maurício Fernandes Pereira. 

No bairro da região continental há um total de onze oficinas que o programa oferece. Além de handebol, a população tem à disposição futsal, basquete, teatro, taekwondo, jiu-jitsu, skate, hip hop, rap, grafite e apoio pedagógico.

O Bairro Educador está presente também no Morro Mocotó, Morro da Mariquinha e no Monte Verde. Todas as localidades possuem oficinas educativas, de formação profissionalizante, esportivas e culturais.

Conforme o secretário de Educação, Maurício Fernandes Pereira, as atividades são desenvolvidas no contraturno escolar dos participantes.  São duas horas-aula, duas vezes por semana.
Mauricio Fernandes destaca que o programa busca proporcionar uma melhor qualidade de vida aos estudantes, aproximá-los de uma educação integral.

 
OFICINAS NO MONTE CRISTO

Futsal

Basquete

Teatro

Taekwondo

Handebol

Jiu-jitsu

Skate

Hip hop

Rap

Grafite

Apoio pedagógico
Link
Notícias Relacionadas
Comentários »
Contato pelo whatsapp...
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp