05/10/2021 às 15h45min - Atualizada em 05/10/2021 às 19h00min

Como construir uma cultura data-driven para o amanhã do futuro do trabalho?

Parceria entre a FDC, Grupo Stefanini, MIT Sloan Management Review Brasil e Talenses Group, o webinar será realizado nesta quarta-feira, 06/10, às 9h

SALA DA NOTÍCIA Carolina Amaral
Há quem afirme que no futuro não haverá empresa bem-sucedida sem investimentos em dados. A relevância de sua utilização é evidente em todas as áreas de negócios e requer, cada vez mais, o apoio da liderança para promover mudanças culturais que permitam às organizações tomar decisões baseadas em informações, conhecimentos e insights. Não é porque uma empresa utiliza algoritmos e Machine Learning que ela pode se considerar data-driven. Para que isso ocorra, uma jornada deve ser seguida com métodos, orientação de especialistas e apoio pragmático de toda a linha executiva.
Para discutir este tema tão relevante para a economia digital, a Fundação Dom Cabral (FDC) promove nesta quarta-feira, 06/10, às 9h, o webinar "O amanhã do futuro do trabalho", projeto em parceria com o Grupo Stefanini, MIT Sloan Management Brasil e Talenses Group. A tônica do evento será "Uma nova habilidade de gestão: Storytelling com dados", que contará com a participação de Martin Eppler, professor de Mídia e Comunicação pela Universidade de St. Gallen, na Suiça; Danielle Franklin, diretora comercial da Scala, empresa do Grupo Stefanini, e Paul Ferreira, diretor do Centro de Liderança da Fundação Dom Cabral.
Com uma cultura orientada a dados, as corporações passarão a tomar decisões baseadas na análise estatística de informações, possibilitando a predição de consequências e a adoção de medidas proativas e preventivas. "E o storytelling com dados será uma habilidade importante para todos os profissionais, pois permite colocar personagens, contexto e narrativa onde muitos só enxergam números. Embora pareça um desafio, o mundo data-driven se revela como uma grande oportunidade competitiva", afirma Danielle Franklin, uma das idealizadoras do Conselho de Analytics da Scala.
Segundo o Gartner, até 2023, mais de 33% das grandes empresas terão analistas praticando inteligência de decisão (Decision Inteligence), que reúne várias disciplinas, incluindo gerenciamento e suporte à tomada de decisões. Ela fornece uma estrutura para ajudar os líderes de Data & Analytics a projetar, modelar, alinhar, executar, monitorar e ajustar modelos e processos de decisão no contexto de resultados e comportamento dos negócios.
A consultoria também prevê que 35% das grandes companhias serão, até 2022, vendedoras ou compradoras de dados via mercado formal de dados on-line, contra 25% em 2020. Os mercados e as trocas de dados fornecem plataformas únicas para consolidar ofertas de registros de terceiros e reduzir custos para fontes de terceiros. "O mundo data-driven é um caminho sem volta", complementa a diretora.
Serviço:
Webinar "Uma nova habilidade de gestão: Storytelling com dados"
Data: 06 de outubro, quarta-feira
Horário: 9h
Inscrições: https://www.amanhadofuturodotrabalho.com.br/
 
Link
Notícias Relacionadas
Comentários »
Contato pelo whatsapp...
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp